Berliner Astronomisches Jahrbuch

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Berliner Astronomisches Jahrbuch é um almanaque de efemérides astronômicas. É o mais antigo anuário astronômico e é um compêndio de efemérides de todos os grandes corpos do Sistema Solar corpos e de estrelas fundamentais que definem o sistema celeste de referência.

O anuário teve seu início em 1776, continuando até 1960, quando foi incluído na edição internacional do Astronomical Ephemeris e do Apparent Places of Fundamental Stars (APFS). Esta fusão foi decidida em 1959 pela União Astronômica Internacional.

O Anuário chegou a conter 500 páginas. A partir de 1907, continha posições aparentes precisas do primeiro catálogo fundamental internacional, que foi compilado para a astrometria. Mais tarde, esses dados foram atualizados para os catálogos de estrelas fundamentais FK3 e FK4.

Em 1940 o Almanaque foi editado em co-operação com o Jahrbuch Astronomisch-Geodätisches, do Astronomisches Recheninstitut em Heidelberg, Alemanha, que também foi incorporado às edições do UAI como os outros almanaques nacionais.[1]

Referências

  1. [http://www.planetarium-berlin.de/pages/hist/WFS-Geschichte.html Eine kurze Geschichte der Berliner Astronomie und der Wilhelm-Foerster-Sternwarte] (em alemão) Planetarium-Berlin. Página visitada em 16 de janeiro de 2012.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre astronomia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.