Bernardo de Irigoyen

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Argentina Bernardo de Irigoyen  
—  Província  —
Bernardo de Irigoyen está localizado em: Argentina
Bernardo de Irigoyen
Localização de Bernardo de Irigoyen na Argentina
26° 14' 59" S 53° 38' 59" O
Província Misiones Bandera de la Provincia de Misiones.svg
Altitude 835 m (2 740 pés)
População
 - Total 6,862
Fuso horário EET (UTC+2)
 - Horário de verão EEST (UTC+3)

Bernardo de Irigoyen é uma localidade da Argentina, capital do departamento de General Manuel Belgrano da província de Misiones. Localiza-se no ponto mais oriental da Argentina, na conhecida "Fronteira Seca" com as cidades brasileiras de Dionísio Cerqueira (estado de Santa Catarina) e Barracão (estado do Paraná). Era conhecida como Barracón da Argentina até 11 de junho de 1921, quando recebeu o atual nome em homenagem ao advogado argentino Bernardo de Irigoyen, que no século XIX auxiliou as negociações entre a Argentina e o Brasil sobre a fronteira nessa região.

Sua população é de 6.862 habitantes na área urbana e 7.234 habitantes na área rural segundo o Censo do ano 2005 (INDEC). A cidade encontra-se sobre o ponto mais alto da província de Misiones, o cerro Barracón, com 835 metros de altitude. O total de precipitação por ano é de 2012 milímetros de água.

Área amplamente visitada por turistas brasileiros em compras, já que há inúmeros produtos com valor menor do que aqueles praticados no Brasil. Combustível, bebidas, cosméticos, medicamentos e alguns gêneros alimentícios estão entre os produtos mais visados pelos brasileiros, além, é claro, do câmbio favorável (peso argentino).

Na cidade ainda há pelo menos dois cassinos. Como esses estabelecimentos são proibidos no Brasil, muitos ultrapassam a fronteira internacional para se divertir nesses estabelecimentos.

A circulação entre os países é facilitada devido ao MERCOSUL, zona de livre comércio que permite a circulação livre de burocracia entre seus integrantes de pessoas e mercadorias. Há, na entrada da cidade, dois postos de fiscalização policial - um brasileiro e outro argentino.

Trata-se de uma cidade bem organizada, apesar de visivelmente comprometida pela pobreza (com exceção dos comerciantes) e extremamente dependente do dinheiro injetado em sua economia pelos turistas brasileiros.

Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia da Argentina é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.