Beta Circini

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
β Circini
Dados observacionais (J2000)
Constelação Circinus
Asc. reta 15h 17m 30,9s[1]
Declinação -58° 48′ 04,3″[1]
Magnitude aparente 4,069[1]
Características
Tipo espectral A3Va[1]
Cor (B-V) 0,100[1]
Astrometria
Velocidade radial 9,6 km/s[1]
Mov. próprio (AR) -97,74 mas/a[1]
Mov. próprio (DEC) -134,15 mas/a[1]
Paralaxe 32,73 ± 0,19 mas[1]
Distância 99,7 ± 0,6 anos-luz
30,6 ± 0,2 pc
Magnitude absoluta 1,64
Detalhes
Raio 1,3-2,0[2] R
Gravidade superficial 4,02 cgs (log g)[3]
Luminosidade 17,73[4] L
Temperatura 8 641[3] K
Metalicidade [M/H] = 0,17[3]
Rotação 68,5 ± 0,85 km/s[5]
Idade 600 milhões de anos[6]

166+212−116 milhões de anos[7]
8 milhões[8] de anos
Outras denominações
CPD-58 5875, FK5 561, GJ 9516, HR 5670, HD 135379, HIP 74824, SAO 242384.[1]
Beta Circini
Circinus constellation map.png

Beta Circini (β Cir, β Circini) é uma estrela na constelação de Circinus. Com uma magnitude aparente visual de 4,07,[1] é a segunda estrela mais brilhante da constelação, sendo visível a olho nu em locais sem muita poluição luminosa. De acordo com sua paralaxe, está localizada a uma distância de 99,7 anos-luz (30,6 parsecs) da Terra.[1]

Beta Circini é uma estrela de classe A da sequência principal com um tipo espectral de A3Va,[1] em que a notação 'a' indica que possui luminosidade superior à normal para estrelas desse tipo. Possui um raio entre 1,3 e 2,0 vezes maior que o raio solar e está brilhando com quase 18 vezes a luminosidade solar.[2] [4] Sua atmosfera irradia essa energia a uma temperatura efetiva de 8 641 K,[3] a qual dá à estrela a coloração branca típica de estrelas de classe A.[9] Sua idade já foi estimada em 166[7] e 600 milhões de anos.[6] Não possui estrelas companheiras conhecidas.[10]

Beta Circini emite excesso de radiação infravermelha, o que é explicado pela presença de um disco circunstelar ao seu redor. Estima-se que esse disco esteja a 12 UA da estrela e possua uma temperatura de 170 K.[6] Beta Circini é um possível membro da associação TW Hydrae, um grupo cinemático de estrelas com origem comum e movimento pelo espaço parecido. O grupo possui idade aproximada de 8 milhões de anos e está a uma distância média de 56 parsecs do Sol.[8]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c d e f g h i j k l m SIMBAD query result - bet Cir SIMBAD Centre de Données astronomiques de Strasbourg. Visitado em 28 de março de 2015.
  2. a b Pasinetti Fracassini, L. E.; Pastori, L.; Covino, S.; Pozzi, A. (fevereiro de 2001). "Catalogue of Apparent Diameters and Absolute Radii of Stars (CADARS) - Third edition - Comments and statistics". Astronomy and Astrophysics 367: p.521-524. DOI:10.1051/0004-6361:20000451. Bibcode2001A&A...367..521P.
  3. a b c d Gray, R. O. et al. (julho de 2006). "Contributions to the Nearby Stars (NStars) Project: Spectroscopy of Stars Earlier than M0 within 40 pc-The Southern Sample". The Astronomical Journal 132 (1): pp. 161-170. DOI:10.1086/504637. Bibcode2006AJ....132..161G.
  4. a b McDonald, I.; Zijlstra, A. A.; Boyer, M. L. (novembro de 2012). "Fundamental parameters and infrared excesses of Hipparcos stars". Monthly Notices of the Royal Astronomical Society 427 (1): pp. 343-357. DOI:10.1111/j.1365-2966.2012.21873.x. Bibcode2012MNRAS.427..343M.
  5. Díaz, C. G.; González, J. F.; Levato, H.; Grosso, M. (julho de 2011). "Accurate stellar rotational velocities using the Fourier transform of the cross correlation maximum". Astronomy & Astrophysics 531: artigo 143, 11 pp. DOI:10.1051/0004-6361/201016386. Bibcode2011A&A...531A.143D.
  6. a b c Morales, Farisa Y. et al. (julho de 2009). "Spitzer Mid-IR Spectra of Dust Debris Around A and Late B Type Stars: Asteroid Belt Analogs and Power-Law Dust Distributions". The Astrophysical Journal 699 (2): pp. 1067-1086. DOI:10.1088/0004-637X/699/2/1067. Bibcode2009ApJ...699.1067M.
  7. a b Song, Inseok; Caillault, J.-P.; Barrado y Navascués, David; Stauffer, John R.. (janeiro de 2001). "Ages of A-Type Vega-like Stars from uvbyβ Photometry". The Astrophysical Journal 546 (1): pp. 352-357. DOI:10.1086/318269. Bibcode2001ApJ...546..352S.
  8. a b Nakajima, Tadashi; Morino, Jun-Ichi. (janeiro de 2012). "Potential Members of Stellar Kinematic Groups within 30 pc of the Sun". The Astronomical Journal 143 (1): artigo 2, 16 pp. DOI:10.1088/0004-6256/143/1/2. Bibcode2012AJ....143....2N.
  9. The Colour of Stars Australia Telescope, Outreach and Education Commonwealth Scientific and Industrial Research Organisation (21 de dezembro de 2004). Visitado em 30 de março de 2015.
  10. Eggleton, P. P.; Tokovinin, A. A. (setembro de 2008). "A catalogue of multiplicity among bright stellar systems". Monthly Notices of the Royal Astronomical Society 389 (2): pp. 869-879. DOI:10.1111/j.1365-2966.2008.13596.x. Bibcode2008MNRAS.389..869E.