Beta Persei

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Posição de Algol na constelação Perseus.

Beta Persei conhecida como Algol é a segunda estrela mais brilhante da constelação de Perseus.

É uma estrela binária ou eclipsante, cuja variação foi observada por Montanari em 1669.

É a estrela-tipo das chamadas binárias eclipsantes ou algólidas.

Etimologia[editar | editar código-fonte]

Seu nome em árabe, "al Ghul", significa "o Demônio". Na constelação, Algol representa o olho esquerdo da Górgona Medusa, cuja cabeça foi usada por Perseu para transformar Cetus em pedra e assim salvar Andrômeda; a estrela foi considerada de "má sorte" por séculos.

História[editar | editar código-fonte]

Em 1881, o astrônomo de Harvard Edward Charles Pickering apresentou evidências de que Algol era uma estrela binária eclipsante. Isso foi confirmado alguns anos depois, em 1889, pelo astrônomo de Petsdam Hermann Vogel. Uma curiosidade bastante interessante é que a estrela diminui, em cerca de três dias, 50% do seu brilho e o recupera depois de um pequeno intervalo de tempo.

Ícone de esboço Este artigo sobre Estrelas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.