Betsaida

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita fontes fiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde agosto de 2012). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Betsaida

Betsaida (casa da pesca, em hebraico) era uma povoação piscatória a nordeste do Mar da Galileia, situada a alguns quilómetros de Cafarnaum. Um cataclismo, entretanto, erguendo-a, afastou-a do lago.

De acordo com o Evangelho de João, os apóstolos Pedro, André e Filipe eram naturais desta povoação (João 1:44).[1]

A investigação arqueológica em Betsaida é recente. Não foi fácil encontrar a povoação onde ela não deveria estar. Deixada de parte a história antiga da cidade, em que se chega a falar do rei David e do seu filho Absalão, ao tempo da idade adulta do apóstolo Pedro ocorreu lá um facto muito significativo: Herodes Filipe, irmão de Herodes Antipas que mandou decapitar João Baptista, ergueu aí um templo pagão em honra de Lívia, a mãe do imperador romano Tibério e esposa do falecido Augusto (r. 27 a.C.-14 d.C.).

Segundo Evangelho de Lucas, a circunvizinhança de Betsaida teria sido o local do milagre da Alimentação para 5000. Betsaida, juntamente com Cafarnaum e Corazim foram amaldiçoadas por Jesus, que predisse a completa destruição das três durante seu ministério na Galileia.

Referências

  1. Betsaida - Antiga Aldeia na beira do rio MFA. Visitado em 12 de agosto de 2012.
Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Betsaida
Ícone de esboço Este artigo sobre Cristianismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.