Beyblade (brinquedo)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Imagem de uma Rock Leone de cor falsa.

Beyblade é um brinquedo baseado no beigoma, uma espécie de pião tradicional japonês, porém em uma versão mais tecnológica. Sua produção foi iniciada pela empresa japonesa Takara Tomy em 1997. Em 2002, a Hasbro produziu beyblades baseadas na série de TV.

No brinquedo, as regra básicas são jogar o oponente para fora da cuia, denominada Beystadium, ou fazê-lo parar de girar, também existe a vitória por "up tip" que é quando a beyblade para em pé, se os dois pararem em pé é dado empate. Também existe os ibeade que é um brinquedo parecido.

Sistema da beyblade[editar | editar código-fonte]

Uma beyblade básica é constituída de cinco partes (de cima para baixo): tampa de espírito, anel de ataque, disco de peso, uma engrenagem giratória e base laminada. Ao mudar as peças, o ataque, a defesa e o giro podem ser alterados. O bit chip não tem nenhuma função especial, mas, na série de televisão e nos videogames, é lá que fica a Fera-Bit.

Lançamento[editar | editar código-fonte]

Nas regras oficiais de beyblade, as "regras de poderes especiais de espíritos" podem ser usadas numa batalha, para mudar a regra de lançamento:

  • Lançamento reverso da Dragoon (Dragão) - o lançador atira a Dragoon com a rotação para a esquerda.
  • Lançamento atrasado da Draciel (Tartaruga) - lançar a beyblade cinco segundos após a do adversário.
  • Lançamento poderoso da Dranzer (Fênix) - pode usar um disparador especial, enquanto que o oponente só pode usar um disparador simples.
  • Lançamento personalizado da Driger (Tigre Branco) - o oponente não pode usar uma beyblade personalizada.

Engine gear[editar | editar código-fonte]

Na tecnologia do engine gear são usadas engrenagens dentro da parte central da beyblade. Quando ativadas, fazem-na girar mais rápido, ou então uma parte dela. Na vida real, serve basicamente para fazer a beyblade girar mais rápido. Na série de televisão geralmente é usada para dar o impulso extra que o lutador precisa para convocar seu ataque especial.

Os tipos de engine gear[editar | editar código-fonte]

Existem quatro tipos de bases de EG (abreviação de engine gear), que foram produzidos com uma exceção (esses tipos são atribuídos apenas nas beyblades reais):

  • Primeira "marcha" - a base que guarda o EG da beyblade inicia a "marcha" assim que é lançada (vem na Metal Driger, Driger G, Dragoon G, Dragoon GT e Zeus).
  • Segunda "marcha" - a base que guarda o EG da beyblade inicia a "marcha" no meio da luta, aproximadamente (vem na Dranzer G, Draciel G, Gaia Dragoon G (Dragoon Strata G), Gigars, e Dranzer GT).
  • Sem "marcha" - a base não possui "marcha", o que significa que não há algo que faça a EG ser ativada. De qualquer jeito, a base permite que a EG seja ativada mais cedo ou mais tarde (vem na Wolborg IV e na Rock Bison (Bisão de Rocha)).
  • Giro EG - essa base é a única que parece ter um EG diferente. É a única EG que pode girar junto com a base que vem com ela; pode ser girada tanto para a esquerda quanto para a direita, como também na direção do lançamento (vem com a Flame Pegasus ou Pegasus Tocha)
Permite lançar o Galaxy Pegasus em diagonal.

Engrenagens de peso personalizáveis[editar | editar código-fonte]

Das quatro séries GT de beyblade que foram lançadas, a EG que vem com elas é capaz de ter um espaço para "engrenagens de peso personalizáveis" (CEW, do inglês Customizable Engine Weight), que pode ser trocado por outros CEWs. A EG pode encaixar com qualquer base de "marcha".

As CEWs originais que foram produzidas pela Takara foram as seguintes CEWs:

  • Light Sharp (literalmente "luz afiada") - vem com a Zeus (versão Takara)
  • Metal Semi-Flat ("metal semi-achatado") - vem com a Dranzer G, Driger G e a Gigars (versão Hasbro)
  • Metal Grip ("cabo de metal") - vem com a Dragoon GT
  • Metal Change ("troca de metal") - vem com a Gigars (versão Takara)
  • Metal Sharp ("metal afiado") - vem com a Flame Pegasus (Pegasus Tocha)
  • Metal Ball Sharp ("bola de metal afiada") - vem com a Zeus (versão Hasbro)

NOTA:Algumas das peças podem ter sido copiadas com uma nova cor por várias das beyblades série G2 da Hasbro.

Sistema hard metal[editar | editar código-fonte]

Peças da beyblade são feitas de metal, ao invés de plástico, aumentando a durabilidade, porém tornando-as mais pesadas (e no caso da série de televisão, tornando-as muito difíceis de controlar).

Beyblades famosas[editar | editar código-fonte]

Os beyblades lendários (os personalizados, comprados de fábrica), seguem a mesma linha de beyblades do anime: Dragoon, Dranzer, Driger e Draciel, que são as beyblades dos personagens principais, além de algumas de outros oponentes. São as principais a serem lançadas. Qualquer beyblade comprada numa loja é inspirada num desses modelos, ou seja, nunca há beyblades personalizadas a venda nas lojas. Isso é feito para que as pessoas que compram beyblades partam sempre do mesmo nível inicialmente e, depois, conforme o treinamento e a modificação, se tornem melhores do que outros.

Outras partes[editar | editar código-fonte]

Como no programa de televisão, algumas beyblades podem ser controladas após o lançamento. São beyblades controladas por um controle remoto, como um carrinho. Para uma batalha entre duas dessas beyblades são necesários dois controles de frequências diferentes.