Biagio d'Antonio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Madona em Adoração do Menino Jesus e um Anjo (c. 1475). Pintura de Biagio d'Antonio (Museu de Arte de São Paulo, São Paulo).

Biagio d'Antonio Tucci da Firenze, mais conhecido como Biagio d'Antonio (14661515) foi um pintor do renascimento italiano, natural de Florença.

Sua obra se insere em um ambiente dominado pela atividade tardia de Filippo Lippi e pelos ateliês de Andrea del Verrocchio e Ghirlandaio, aos quais propõe uma nova interpretação estética notável.

Trabalhou na decoração da Capela Sistina entre 1481-1482, integrando a equipe de Cosimo Rosselli. Em 1482 foi incumbido - juntamente com Pietro Perugino - da realização de afrescos no Palazzo Vecchio, em Florença, nunca iniciados. Também exerceu seu ofício de modo intermitente em Faenza, entre 1476 e 1504.

Referências[editar | editar código-fonte]

  • MARQUES, Luiz (org). Corpus da Arte Italiana em Coleções Brasileiras. São Paulo: Berlendis e Vertecchia Editores, 1996.