Bic Cristal

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Bic Cristal

A Bic Cristal é uma caneta esferográfica barata, produzida em massa pela Bic.

Foi projetada pela equipe do Décolletage Plastique e é feita de poliestireno (corpo), de polipropileno (tampa), de carbureto de tungstênio (esfera) e de bronze/prata niquelada (ponta). Originalmente tinha quatro cores padrão: azul, preto, vermelho e verde e recentemente o número de cores foi expandido em mais 12 cores. O tamanho do ponto é de um milímetro e a média de escrita de uma caneta BIC é de 2 quilômetros.

Recentemente, a caneta ganhou várias variações como uma versão em miniatura e também com vários com 5 variações de pontas. Desde 1991 há um pequeno orifício na ponta da tampa da caneta para impedir que no caso da ingestão acidental ou não da tampa cause sufocamento.[1] [2]

Para muitos no mundo ocidental é o padrão da caneta esferográfica. As pessoas chamá-la-iam simplesmente uma caneta de Biro. Marcel Bich fixou os direitos de autor à caneta esferográfica, inventada por Ladislao Biro em 1950. Ele escolhera Bic como nome como uma variação mais curta de seu próprio nome porque temeu que os americanos pudessem desmoralizar com um palavreado Bitch (cadela, em inglês). Com o tempo, o que até então era considerado um produto descartável, se tornou um clássico do design industrial. A simplicidade da forma e do material, sua funcionalidade e a confiabilidade, ajudaram-lhe conseguir seu status clássico.[1] [3]

A caneta Bic Cristal faz parte da coleção permanente do MoMa, museu da arte moderna de Nova Iorque.

Referências

  1. a b Phaidon Design Classics- Volume 2, 2006 Phaidon Press Ltd. ISBN 0-7148-4399-7
  2. Humble Masterpieces (PDF) (em inglês) The Museum of Modern Art, New York, abril 8–September 27, 2004 Moma.org.
  3. FAQ - BIC World (em inglês) Bicworld.com.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre escrita é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.