Bica do Ipu

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Bica do Ipu
Características
Altura 130 m
Localização
Rio Riacho Ipuçaba
País  Brasil
Local Ipu

Bica do Ipu é uma queda d'água de 130 metros de altura do Riacho Ipuçaba, que despenca da Serra da Ibiapaba, no município brasileiro de Ipu no estado do Ceará. No volume 16º da Enciclopédia dos Municípios Brasileiros a bica também recebe a denominação de Bica de Iracema. Faz parte do espaço do romance Iracema de José de Alencar. Na página 283 a mesma enciclopédia ostenta um soneto do poeta cearense Osvaldo Araújo intitulado "A Bica do Ipu". Ei-lo:

Chega a invernia. A bica,como louca,
Despenha-se da altiva ibiapaba,
Vomitando enchurrada pela boca
Revôlta, em convulsão, a água desaba.
De noite a dentro, ela estrondeia e espouca,
Ruidosa, para o Ipu leva o ipuçaba…
- Amanhece. Seu noivo - o sol-lhe touca
Com diadema de luz que a fúria acaba.
Desperta em lânguido espreguiçamento
Noiva faceira - sensual se amanha,
De cristais rebrilhando em fragmento,
Beijando-a o sol em vibração tamanha!
E o branco véu se esvoaça solto ao vento
"Como um trapo de gaze da Bretanha".

Referências[editar | editar código-fonte]

Enciclopédia dos Municípios Brasileiros. 16º vol. Rio de Janeiro. 1959. p. 282/283.

Ícone de esboço Este artigo sobre Hidrografia do Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.