Bico (Marvel Comics)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Bico (Marvel Comics)
Placeholder male superhero c.png

Dados da publicação
Publicado por Marvel Comics
Características do personagem
Alter ego Barnell Bohusk
Espécie Humano Mutante
Afiliações Exilados
Classe Especial
Habilidades Feições de Pássaro
Projecto Banda desenhada  · Portal da Banda desenhada

Bico (Barnell Bohusk) é um personagem fictício da Marvel Comics.

História[editar | editar código-fonte]

X-Men[editar | editar código-fonte]

Bico surgiu logo no começo da Era Morrison. O mutante era mais um entre as dezenas de novos alunos do Instituto Xavier, possuía cara de pássaro, asas e penas, mas, curiosamente, não conseguia voar. Tinha apenas o lado ruim da mutação.

Devido a suas aparências incomuns, Barnell e Hank McCoy tornaram-se amigos. E isso acabou resultando em um evento traumático na vida de Barnell, quando Cassandra Nova o dominou e obrigou a espancar o Fera com um bastão de baseball, deixando-o em coma.

O tempo passou, Cassandra foi derrotada e Barnell foi tentando se adaptar ao Instituto, mas ainda não conseguia voar. Em uma aula de vôo com o Anjo acabou conhecendo Angel Salvatore, que se tornou sua namorada. Um menino-pássaro que não voa e uma menina-inseto pavio-curto. O que poderia resultar dessa relação?

Vários bebês. Isso mesmo, Angel engravidou e devido ao sistema reprodutivo único dos pais, nasceram várias crianças em casulos que misturavam as características dos dois jovens mutantes. E a coisa é tão feia para o Bico que até os filhos dele que acabaram de nascer conseguem voar e ele ainda não.

Nessa época, Bico e Angel estavam em uma classe especial, junto com outros alunos problemáticos do Instituto. A classe estava sob responsabilidade de Xorn. Bico já demonstrava uma grande força de caráter, ao assumir que tinha atirado em Emma Frost para proteger Angel, esta tinha atirado sob controle de Esme Stepford, que trabalhava para o verdadeiro vilão da história. Ele era Xorn, que revelou ser Magneto. O vilão atacou a cidade de Nova York, usando a turma especial como seus novos asseclas.

Diante do genocídio dos humanos que presenciava, Bico se rebelou contra o vilão, aliado-se aos X-Men. Barnell encarou de frente o perigo para proteger a humanidade e a sua exótica família. Provando que verdadeiros heróis não precisam ser belos ou poderosos, mas valentes e corajosos. Ele atacou Magneto com um bastão de ferro, o que não foi muito inteligente de sua parte.

Exilados[editar | editar código-fonte]

Depois do fim da Era Morrison, Bico ficou meio sumido. Continuou vivendo no Instituto com sua família, até o dia em que os Exilados apareceram na Terra-616. A missão do grupo era uma charada: "abandone seus pertences e ganhe asas". Reed Richards decifrou o enigma e concluiu: Nocturna deveria ficar e Bico ir com os Exilados. Foi um momento de tristeza para ele, pois teve que deixar sua família para trás.

Desde então, ele fazia parte do grupo, e como sempre, não fazia nada muito relevante...até certo tempo. Pois sua missão era salvar todo o Multiverso das mãos do terrível Hiperião.

Dizimação[editar | editar código-fonte]

Após sair dos Exilados e voltar para a Terra natal, Bico foi transformado em humano. Ele apareceu em Geração M já sem seus poderes. Agora, ele vai curtir ser humano. De acordo com bico seu único problema é que ainda não consegue voar e possui um nariz enorme. Quando a dizimação ocorreu ele, sua esposa e seus filhos perderam os poderes, um deles ainda manteve a aparência mas perdeu os poderes.Um pouco depois ele se juntou aos Novos Guerreiros com sua esposa Angel Salvadore.

Poderes e Habilidades[editar | editar código-fonte]

Bico tem penas, asas não muito visíveis e a cara de pássaro com um enorme bico ao invés de boca e nariz. Seu bico possui dentes serrilhados. Enquanto esteve nos Exilados a arma de Bico era seu bastão. O grande problema é que ele não consegue voar.