Bill Kaysing

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou secção está a ser traduzido. Ajude e colabore com a tradução.

William Charles Kaysing (31 de Julho de 1922 – 21 de Abril de 2005) foi um autor que ficou famoso por alegar que os seis pousos lunares do projeto Apollo entre julho de 1969 e dezembro de 1972 foram fraudes. É conhecido como a pessoa que iniciou o movimento da fraude da Lua.

Educação e histórico profissional[editar | editar código-fonte]

Kaysing ingressou na Marinha em 1940 como aspirante e, eventualmente, foi enviado para a escola dos oficiais de treinamento que o levou a frequentar a Universidade do Sul da Califórnia. Em 1949 ele recebeu seu Bacharel em Inglês pela Universidade de Redlands. Mais tarde, ele trabalhou por um tempo como um fabricante de móveis, antes de trabalhar na Rocketdyne (uma divisão da North American Aviation e depois da Rockwell International), (1956-1963), onde os motores de foguetes "Saturn V" foram construídos. Kaysing foi chefe da empresa de publicações técnicas, mas não foi treinado como um engenheiro ou cientista.

De acordo com Kaysing trabalhou na Rocketdyne começando em 13 de fevereiro de 1956 como escritor técnico sênior, em seguida, em 24 de setembro de 1956 como analista de serviço, 15 de setembro de 1958 ele trabalhou como engenheiro de serviço, seguindo em 10 de outubro de 1962, como analista de publicações, e em 31 de maio de 1963 renunciou por motivos pessoais.[1]

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.