Billboard Brasil

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Billboard Brasil
Billboard Brasil.png
Slogan "Você já ouviu falar, agora vai ler"
Editor Antonio Camarotti
Equipe editorial Bruno Setubal (Diretor geral)
Alexandre Ktenas (Conselho editorial)
Fernando Schiavo (Conselho editorial)
Pedro Só (Conselho editorial)
Gabriela Arbex (Editora executiva)
Rodrigo Ortega (Editor-assistente)
Frequência Mensal
Editora BPP Promoções e Publicações Ltda.
Empresa E5 Global Media, LLC
Circulação Total: Mais de 40 mil exemplares
Categoria Música
País  Brasil
Idioma Português
Formato Magazine (25,2 cm x 30,5 cm)
Encadernação Brochura
Fundação 2009
Baseada em Billboard
Primeira edição 14 de Outubro de 2009[1]
ISSN 977-217605400-2
billboard.br.com

Billboard Brasil é uma revista brasileira mensal de música inspirada no periódico estadunidense Billboard.[2] Foi lançada em outubro de 2009 nas grandes capitais e cidades brasileiras pela BPP Promoções e Publicações, com mais de 40 mil exemplares.[1] [3]

Histórico[editar | editar código-fonte]

A cantora brasileira Elis Regina na capa da edição 29 da Billboard Brasil.

A revista é uma versão da Billboard estadunidense, que publica semanalmente as paradas Hot 100 e Billboard 200. A versão brasileira conta com paradas similares publicadas e, segundo Antônio Camarotti, a periodicidade é mensal, mas, o projeto visa uma publicação semanal, tal qual a versão estadunidense.[4]

O Brasil é o terceiro país com a publicação impressa da Billboard Brasil. Rússia e Turquia foram os primeiros a receberam a versão da revista, respectivamente.[2] Em uma visita em setembro ao Brasil, Bill Werde, editor-chefe da Billboard, disse que gosta de músicas brasileiras e estar "de olho no mercado do país". Todas as paradas musicais são feitas pela empresa Crowley Broadcast Analysis, que monitora 265 estações de rádio no território brasileiro. De acordo com o portal Billboard.biz,[5] a companhia já prestava esse serviço de forma restrita às gravadoras brasileiras.[4]

A capa da primeira edição foi ilustrada pelo cantor Roberto Carlos.[6] A partir de abril de 2010, a revista contou com a empresa Almap BBDO para fazer suas publicidades[7] . Em julho de 2010 a Billboard Brasil tem um novo publisher, Bruno Setubal, para atuar ao lado de Antonio Camarotti e com projetos para montar o Billboard Brasil Music Awards com os mesmos formatos da Billboard dos EUA, com um objetivo de aumentar o mercado de música.[8] A partir de 2011 o número de emissoras monitoras evoluiu para mais de 800.[9]

Reconhecimento[editar | editar código-fonte]

Em junho, a revista Billboard e a AlmapBBDO, ganharam, o "Grand Prix" do Festival Internacional de Publicidade de Cannes, troféu mais importante de cada categoria, pela campanha de cinco peças realizada para promover a versão brasileira da revista. Além do "Grand Prix", a Billboard venceu no segmento de publicações e em direção de arte, resultando em dois Leões de Ouro.[10] [11]

Paradas musicais[editar | editar código-fonte]

Em 14 de Outubro de 2009, a Billboard publicou a primeira parada das músicas mais tocadas no Brasil. Desde então, mensalmente, a revista publica a Hot 100, que consiste nas canções, tanto nacionais quanto internacionais, mais tocadas nas rádios brasileiras.

A partir de Abril de 2014, a Billboard brasileira começou publicar em seu site brasileiro, um Hot 100 semanal, assim como é, e sempre foi realizado no site e revista da Billboard em outros países, assim como a Billboard norte-americana. [12]

Além da Hot 100, a revista ainda publica mais dezenove paradas musicais.

  • Brasil Hot 100 Airplay
  • Brasil Hot Pop & Popular
  • Brasil Hot Regional
    • Belo Horizonte Hot Songs
    • Brasília Hot Songs
    • Campinas Hot Songs
    • Campo Grande e Cuiabá Hot Songs
    • Curitiba Hot Songs
    • Florianópolis Hot Songs
    • Fortaleza Hot Songs
    • Goiânia Hot Songs
    • Porto Alegre Hot Songs
    • Recife Hot Songs
    • Ribeirão Preto Hot Songs
    • Rio De Janeiro Hot Songs
    • Salvador Hot Songs
    • São Paulo Hot Songs
    • Triângulo Mineiro Hot Songs
    • Vale do Paraíba e Litoral Paulista Hot Songs
      • Brasil Gospel 50


Primeira publicação[editar | editar código-fonte]

Abaixo encontra-se as primeiras canções a alcançar o topo das paradas brasileiras.[13]

Paradas principais
Parada Canção Artista
Hot 100 "Halo" Beyoncé
Brasil Hot Pop Songs
Brasil Hot Popular Sogs "Amor Não Vai Faltar" Bruno & Marrone
Paradas regionais
Parada Canção Artista
Belo Horizonte Hot Songs "Halo" Beyoncé
Curitiba Hot Songs
Porto Alegre Hot Songs
Recife Hot Songs
Rio de Janeiro Hot Songs
São Paulo Hot Songs
Brasília Hot Songs "Amor Não Vai Faltar" Bruno & Marrone
Ribeirão Preto Hot Songs
Campinas Hot Songs "Talvez" Don & Juan
Salvador Hot Songs "É Só Você Pedir" Chiclete com Banana
Fortaleza Hot Songs "Uma Estrela" Banda Desejo de Menina
Vale do Paraíba e Litoral Paulista Hot Songs "" []
Florianópolis Hot Songs
Triângulo Mineiro Hot Songs
Campo Grande e Cuiabá Hot Songs

Referências

  1. a b G1 > Música - NOTÍCIAS - Revista "Billboard" lança versão brasileira EFE (15 de Outubro de 2009). Página visitada em 19 de Agosto de 2010.
  2. a b Revista 'Billboard' terá edição brasileira « Boomerang « MTV Brasil Diogo Bueno (28 de Agosto de 2009). Página visitada em 19 de Agosto de 2010.
  3. Instituto Verificador de Circulação (PDF) IVC. Página visitada em 19 de Agosto de 2010.
  4. a b Neto, Barata (6 de outubro de 2009). Billboard chega ao Brasil com ranking de mais tocadas Brasil Econômico.. Página visitada em 29/01/2010.
  5. Ben-Yehuda, Ayala (23 de outubro de 2009). Billboard Brazil Launches Monthly Magazine With Local Charts (em inglês) Billboard.biz. Nielsen Business Media, Inc. Página visitada em 24/10/2009.
  6. Victor da dupla Victor & Leo é destaque na Billboard brasileira (html) R7. Rede Record (16 de outubro de 2009). Página visitada em 29/01/2010.
  7. Billboard Brasil nas bancas esta semana na midia com campanha da Almap bluebus.. Página visitada em 18/07/2010.
  8. Billboard Brasil ganha novo publisher mmonline. (06 de Julho de 2010). Página visitada em 17/08/2010.
  9. Sobre a Crowley (html) Crowley Analys Broadcast (outubro de 2011). Página visitada em 11/10/2013.
  10. Publicidade brasileira premiada em Cannes - Ricardo Noblat: O Globo Blog do Noblat. (23 de junho de 2010). Página visitada em 19 de Agosto de 2010.
  11. AlmapBBDO é 'agência do ano' e Brasil bate recorde em Cannes Yahoo!. (29 de junho de 2010). Página visitada em 19 de Agosto de 2010.
  12. Too 100 Billboard Brasil - Semanal Billboard Brasil (abril de 2014). Página visitada em 30/04/2014.
  13. (Outubro de 2009) "Brasil Hot 100 Airplay" (Brasil). Billboard Brasil: 84. BPP.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]