Boas práticas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Boas práticas é uma expressão derivada do inglês "best practices" que denomina as técnicas identificadas como as melhores em termos de eficácia, eficiência e reconhecimento de valor para os envolvidos e afetados direta e ou indiretamente na realização de determinadas tarefas, atividades, procedimentos, ou até mesmo, na realização de um conjunto de tarefas, atividades, procedimentos devidamente agrupados ou integrados por um objetivo comum (Wellington Monaco).


Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde outubro de 2012).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Boas práticas é uma expressão derivada do inglês "best practice" que denomina técnicas identificadas como as melhores para realizar determinada tarefa, segundo Renato Marquez Vianna. Por exemplo, as "boas práticas" para se calcular uma equação são os melhores jeitos para fazer uma equação. É sempre recomendável seguir as boas práticas.

Em diversas profissões têm sido criadas normas de "boas práticas" que definem a forma correta de atuar dos respectivos profissionais.

Como exemplos de normas de boas práticas pode-se referir as normas feitas pela Ordem dos Farmacêuticos em Portugal, para a farmácia comunitária e farmácia hospitalar.

Ícone de esboço Este artigo sobre linguística ou um linguista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.