Boiadeiro na umbanda

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Boiadeiro na Umbanda)
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde setembro de 2010).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Boiadeiro é uma classe de entidades que trabalham em terreiros de umbanda.

História[editar | editar código-fonte]

Normalmente são entidades vinculadas à homens que trabalharam, sobretudo na condução de gado.

Operam nos terreiros com seu laço, chapel e cigarro de palha. O seu grito característico captura espíritos decaídos que atormentam os consulentes, encaminhando para guias espirituais de socorros destes seres desencarnados. Geralmente incorporam nas giras de Caboclos. São associados aos Mineiros, dependendo da região em que se situa o terreiro.

Exemplos de Boiadeiro:

  • Chico da Porteira;
  • Zé do Laço;
  • Zé da Campina;
  • Tião;
  • Zé do Facão;
  • Zé Mineiro;
  • João da Serra;
  • Boiadeiro Navizala;
  • Laço Nervoso;
  • Carne de Boi;
  • Zé do trilho;
  • João Boiadeiro;