Bojo (astronomia)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Messier 81, uma galáxia com um bojo bem definido.

Em astronomia, se chama bojo o grupo esferoide de estrelas encontrado na região central da maioria das galáxias espirais.[1] Sua distribuição espacial é mais ou menos elipsoidal em contraposição à distribuição plana do disco, ainda que em princípio se considerava que eram estruturas velhas que lembravam uma galáxia elíptica em metade de um disco galáctico hoje se considera que existem vários tipos de bojo.

Buracos negros centrais[editar | editar código-fonte]

Acredita-se que a maioria dos bojos galácticos abrigam um buraco negro supermassivo em seu centro. Tais buracos negros nunca foram observados diretamente, mas existem muitas provas indiretas.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Lépine, Jacques. A Via Láctea: Nossa Ilha no Universo. [S.l.]: Editora da Universidade de São Paulo, 2008. p. 131-132. ISBN 978-85-314-1056-7.