Bomba inteligente

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto (desde janeiro de 2012).
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Exemplo de bomba inteligente no caso uma GBU-12.

Bomba inteligente (também conhecida como bomba de precisão ou ainda GBU - guided bomb unit) é uma munição guiada destinada a atingir com alto grau de precisão alvos específicos, usualmente de elevado valor económico (condição estratégica) ou militar (condição tática), minimizando os danos colaterais em vidas humanas e ou edifícios adjacentes.[1]

Sistemas de orientação (tipos de bombas)[editar | editar código-fonte]

Tal como as bombas convencionais de ferro e queda livre, as bombas ditas inteligentes dirigem-se para o alvo por força da gravidade, no entanto ao invés de caírem livremente deslizam em direção ao objetivo, por ação de superfícies de controlo (asas ou aletas) que interpretam os comandos do sistema de orientação, o qual pode ser interno ou externo.[2]

  • Bombas guiadas por sistema electro-óptico: equipadas com uma câmara de vídeo para identificar o alvo, o seu sistema de guiamento manobra, utilizando as superfícies móveis de controlo até ao impacto no alvo. Amplamente usadas na guerra do Vietname, foram também as principais responsáveis pelas difusão das imagens de impacto no alvo, durante a guerra do golfo.
  • Bombas guiadas por laser: equipadas com uma cabeça capaz de rastrear o reflexo laser de alvos iluminados por designadores externos, (instalado no avião lançador ou transportado por equipes terrestres de operações especiais infiltradas no terreno), foram usadas ainda na fase final da guerra do Vietname em modo muito moderado.
  • Bombas guiadas por satélite: equipadas com um sistema recetor GPS, utilizam as coordenadas enviadas por três ou mais satélites para localizar o alvo.


Ícone de esboço Este artigo sobre tópicos militares é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Hallion, Richard P. (1995). PRECISION GUIDED MUNITIONS AND THE NEW ERA OF WARFARE (em Inglês). Página visitada em 30/01/2012.
  2. Encyclopaedia Britannica. Smart bomb (em Inglês). Página visitada em 30/01/2012.


Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Bomba inteligente