Boninho

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo. Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Boninho
Nome completo José Bonifácio Brasil de Oliveira
Nascimento 4 de novembro de 1961 (53 anos)
São Paulo
Nacionalidade  brasileiro
Progenitores Pai: Boni
Cônjuge Narcisa Tamborindeguy (1983-1986)
Kátia D'Ávila (1995-1998)
Ana Furtado (1999-atualmente)
Filho(s) Mariana
Pedro
Isabela
Ocupação Diretor de TV

José Bonifácio Brasil de Oliveira (São Paulo, 4 de novembro de 1961), mais conhecido com J. B. Oliveira ou Boninho, é um diretor brasileiro.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Filho de José Bonifácio de Oliveira Sobrinho, o Boni, ele começou sua carreira na Rádio Excelsior FM, em 1978. Reestruturou a Rádio Globo FM (Sistema Globo de Rádio) e criou e dirigiu o programa de vídeo clipe Clip Clip na Rede Globo, de 16 de setembro de 1984 até março de 1987 (no ar aos domingos às 12h45).

Boninho dirigiu diversos vídeos clipes para o Fantástico e para bandas como Ultraje a Rigor, Titãs, Os Ronaldos, entre outras. Fez quadros de games para o Domingão do Faustão, apresentado por Fausto Silva. Ele criou, juntamente com o artista gráfico Luiz Ferré e com o manipulador Roberto Dornelles, o infantil TV Colosso; fez o Angel Mix e dirigiu diversos eventos como: Rolling Stones, Lady Gaga, ACDC, LMFAO, Hollywood Rock, Free Jazz, Prêmio TIM, entre outros.

Em 1992, foi o responsável pela criação e programação do canal a cabo Multishow. Foi o responsável, também, pela divulgação, criação e desenvolvimento do formato Reality Show no Brasil, como o: No Limite, Hipertensão e desde 2009 o Jogo Duro.

Atualmente é diretor de núcleo na Rede Globo de Televisão, dirigindo os programas Mais Você,[1] de Ana Maria Braga, Estrelas, com Angélica, o reality show Big Brother Brasil, apresentado por Pedro Bial. Dirige também a TV Globinho, carnaval Globeleza, com os apresentadores do Rio de Janeiro, São Paulo e Salvador e agora também o The Voice Brasil ministrado pelo apresentador Tiago Leifert e pelos jurados: Claudia Leitte, Lulu Santos, Carlinhos Brown e Daniel. Em março de 2013, assume à frente do TV Xuxa, enquanto Roberto Talma se recupera de problemas de saúde.[2]

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Boninho se casou em 1983 com a socialite Narcisa Tamborindeguy, união que acabou em 1986 e da qual nasceu sua filha Mariana. Entre 1995 e 1998 foi casado com Kátia D'Ávila, mãe do seu filho Pedro. Desde 1999 Boninho é casado com a atriz Ana Furtado, com quem tem uma filha chamada Isabella (nascida em 1º de maio de 2007).

Trabalhos[editar | editar código-fonte]

Programas anteriores[editar | editar código-fonte]

Programas atuais[editar | editar código-fonte]

Criações[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Boninho (diretor)