Bora-Bora (álbum)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Bora-Bora
Álbum de estúdio de Os Paralamas do Sucesso
Lançamento 1988
Gravação Fevereiro de 1988
Gênero(s) Rock, Reggae
Gravadora(s) EMI
Produção Carlos Savalla e Paralamas
Cronologia de Os Paralamas do Sucesso
Último
Último
D
(1987)
Big Bang
(1989)
Próximo
Próximo


Bora-Bora é o quarto álbum de estúdio dos Paralamas do Sucesso, lançado em 1988. O disco tem como característica, um lado A mais alegre e animado, e um lado B mais introspectivo, que também reflete com o fim do romance entre Herbert e Paula Toller.

Também se trata da primeira experiência da própria produção da banda, o que acontece também no álbum seguinte, e marca a entrada definitiva dos sopros no som dos Paralamas.

O álbum tem sucessos como O Beco, Quase um Segundo e Uns Dias, vendendo 200 mil cópias.

Faixas[editar | editar código-fonte]

  1. "O Beco" (Bi Ribeiro, Herbert Vianna) 3:12
  2. "Bunda Lê Lê" (Bi Ribeiro, João Barone, Herbert Vianna) 2:28
  3. "Bora-Bora" (Herbert Vianna) 5:00
  4. "Sanfona" (Bi Ribeiro, Herbert Vianna) 2:59
  5. "Um a Um" (Edgar Ferreira) 3:08
  6. "Fingido" (Herbert Vianna) 3:46
  7. "Don't Give me That" (Bi Ribeiro, Peter Clarke, Herbert Vianna) 0:45
  8. "Uns Dias" (Herbert Vianna) 4:04
  9. "Quase um Segundo" (Herbert Vianna) 4:40
  10. "Dois Elefantes" (Herbert Vianna) 4:42
  11. "Três" (Herbert Vianna) 2:58
  12. "Impressão" (Bi Ribeiro, João Barone, Herbert Vianna) 3:31
  13. "O Fundo do Coração" (Herbert Vianna) 3:00
  14. "The Can" (Bi Ribeiro, Peter Clarke, Herbert Vianna) 2:56 (Faixa bônus na versão em CD)

Créditos[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de Os Paralamas do Sucesso é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.