Boris Grishenko

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Boris Grishenko
Personagem da série James Bond
Grichenko2.jpg
Organização Janus
Profissão analista de sistemas
Categoria capanga do vilão
Status morto
Interpretado(a) por Alan Cumming
Filmes 007 contra Goldeneye (1995)

Boris Ivanovich Grishenko é um personagem do filme 007 contra Goldeneye, da série cinematográfica do espião britânico James Bond, criado por Ian Fleming.

Características[editar | editar código-fonte]

O personagem é um brilhante programador e hacker de computadores, que já conseguiu entrar no site do Departamento de Justiça dos Estados Unidos. Confiante, egocêntrico, espirituoso, não-conformista e algo caricato, muitas vezes usa o bordão: "Eu sou invencível!" para mostrar seus talentos como hacker e analista de sistemas.

Depois de trair seus colegas do centro de Severnaya, causando a morte de todos, ele goza o poder que lhe foi dado como controlador dos computadores do coração da base da prganização 'Janus', comandada pelo vilão Alec Trevelyan. Boris insulta sarcasticamente a inteligência de Natalya Simonova, sua colega de programação e única sobrevivente do massacre de Severnaya, quando ela, ao penetrar com James Bond no centro da Janus, tem acesso ao computador central. Mas é posto em seu lugar quando Simonova consegue bloquear seu computador trocando os códigos de acesso.[1]

Filme[editar | editar código-fonte]

Cúmplice e capanga do General Ourumov e de Alec Trevelyan, Boris sobrevive ao massacre da estação de rastreamento de Severnaya, onde trabalha, sem saber que a colega Natalya Simonova também conseguiu sobreviver. Quando Orumov descobre que Natalya também escapou, usa-o para atraí-la a uma armadilha, onde ela é raptada, com a ajuda de Xenia Onatopp.[1]

Boris volta a aparecer no fim do filme, como chefe dos programadores da 'Janus', a organização criminosa de Trevelyan, na base secreta em Cuba, de onde pretende usar os pulsos magnéticos do satélite Goldeneye para criar o caos no sistema financeiro britânico, permitindo enormes lucros a todos. No clímax da trama, ele posiciona a antena parabólica da base em direção ao satélite, pronto para enviar os dados de que o alvo da ação é Londres. Entretanto, Natalya, que foi feita prisionaieia ali junto com James Bond, consegue numa ação brusca bloquear o computador de Boris e direcionar as emissões do Goldeneye inofensivamente para o mar colocando-o em rota de reentrada na atmosfera.

Ameaçado por Alec para desfazer o que Natalya fez, Boris nada pode fazer pois Bond destrói a gigantesca antena parabólica da base, pouco antes da própria base ser explodida. Ele morre petrificado coberto de hidrogênio líquido que jorra da explosão dos tanques sobre o complexo, pouco depois de lançar seu brado "Eu sou invencível!", ao crer que havia sobrevivido à destruição.[1]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c jamesbond multimedia Alan Cumming (Boris Grishenko). Página visitada em 13/04/2011.