Brinco

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Mulher usando brinco de prata no formato de argola.

Brincos são peças de joalheria ou bijuteria que servem para adornar as orelhas. Podem ser usados tanto por mulheres como por homens. Os brincos são colocados como um piercing, atravessando o lóbulo ou qualquer outra parte externa das orelhas, ou podem ser presos externamente, por uma espécie de clipe.

Os brincos podem ser feitos de inúmeros materiais, como metal, plástico, vidro, pedras preciosas ou contas. O tamanho é geralmente limitado pela capacidade física do lóbulo em levar o brinco sem sofrimento físico.

Os brincos são utilizados em todo o mundo, nas mais variadas culturas, e é comum colocá-los nas meninas logo após seu nascimento.

Brincos e os homens[editar | editar código-fonte]

Índios pataxós usando brincos

Embora mais popular o uso de brincos entre as mulheres, tem-se tornado popular o seu uso entre os homens também. Na década de 80, o cantor George Michael popularizou o uso do brinco em apenas uma orelha.

O uso de brincos entre os homens era comum na Pérsia e na Grécia antiga, como pode ser observado nas ruínas de pinturas e estátuas da Antiguidade. Piratas também são freqüentemente associados ao uso de brincos. Os índios também usavam (e usam ainda) o brinco como adorno. Nao podemos esquecer que antes nos tempos biblicos as mulhres tinham brincos que eram usados nos narizes, por parte de Israel.Isso ocorreu devido a cultura da época que era necessario pra dar importancia e valores a mulher daquela epoca

Ver também[editar | editar código-fonte]

Projetos relacionados[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Brinco
Ícone de esboço Este artigo sobre vestuário ou moda é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.