Britânia Secunda

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Provincia Britannia Secunda
Província Britânia Secunda
Província do(a) Império Romano
312409
Location of Britânia Secunda
Diocese da Britânia por volta de 400.
Capital: Eboraco?
Governador: Rector?
Período : Antiguidade Tardia
 -  Reformas administrativas de Diocleciano 312
 -  Conquistada pelos britânicos 409

Britânia Secunda ou Britânia II era uma província da Britânia romana criada por volta de 312 d.C., provavelmente como parte das reformas administrativas de Diocleciano (r. 284-305) depois que o usurpador Alecto foi derrotado por Constâncio Cloro em 296.

Depois da reforma, as antigas províncias da Britânia Superior e Britânia Inferior foram divididas em quatro: além da Britânia Secunda, havia ainda a Britânia Prima, a Flávia Cesariense e a Máxima Cesariense. Todas estavam subordinadas à Diocese da Britânia da Prefeitura pretoriana das Gálias[1] .

Administração romana[editar | editar código-fonte]

Seus governadores eram da ordem equestre, mas poucos nomes são conhecidos. Apesar de a administração romana da Britânia ser um assunto obscuro, é apenas por causa da sobrevivência do Notitia Dignitatum que é possível esboçar uma possível configuração administrativa da região[2] . É possível que sua capital tenha sido Eboraco (Iorque). Ela é citada na Lista de Verona e seu território provavelmente abrangia o que é hoje o norte da Inglaterra e, possivelmente, o norte de Gales.

Em 369, a Valentia foi criada provavelmente como uma subdivisão da Britânia Secunda (mas pode ter sido também da Britânia Prima).

Referências

  1. Frere, pp. 198-199.
  2. Mattingly, pp. 227-228.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Frere, Sheppard. Britannia: a history of Roman Britain. Cambridge: Harvard University Press, 1967.
  • Mattingly, David. An Imperial Possession: Britain in the Roman Province. London: Penguin, 2006.
  • Creighton, John. Britannia: the Creation of a Roman Province. London and New York: Routledge, 2006.