Broadcast News

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Broadcast News
Edição Especial (PT)
Nos Bastidores da Notícia (BR)
Pôster promocional
 Estados Unidos
1987 • cor • 133 min 
Direção James L. Brooks
Produção James L. Brooks
Roteiro James L. Brooks
Elenco William Hurt
Albert Brooks
Holly Hunter
Robert Prosky
Lois Chiles
Joan Cusack
Jack Nicholson
Gênero Comédia dramática
Comédia romântica
Idioma Inglês
Música Bill Conti
Cinematografia Michael Ballhaus
Edição Richard Marks
Estúdio Gracie Films
Distribuição 20th Century Fox (original)
The Criterion Collection (relançamento)
Lançamento Estados Unidos 16 de dezembro de 1987
Portugal 25 de março de 1988
Orçamento US$15 milhões[1]
Receita US$67,331,309
Página no IMDb (em inglês)

Broadcast News (br: Nos Bastidores da Notícia / pt: Edição Especial) é um filme de romance de comédia dramática de 1987 escrito, produzido e dirigido por James L. Brooks. O filme diz respeito a uma virtuosa produtora de notícias da TV (Holly Hunter), que tem avarias diária emocionais, um repórter ainda espinhoso brilhante (Albert Brooks) e seu carismático, mas bem menos experiente rival (William Hurt). Ele também é estrelado por Robert Prosky, Lois Chiles, Joan Cusack e Jack Nicholson (cobrado somente nos créditos finais) como o âncora da noite.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Em Washington D.C., a produtora do telejornal de uma grande rede de televisão se envolve com o novo e atraente locutor de notícias e é observada pelo seu melhor amigo, um competente repórter, que a ama mas não se declara.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Ficha Técnica[editar | editar código-fonte]

Produção[editar | editar código-fonte]

A trilha foi feita por Bill Conti. Premiados compositores do Emmy Award Glen Roven e Marc Shaiman fazem aparições como uma equipe de música idiota que compôs um tema para o programa de notícias no filme.

A liderança feminina foi originalmente escrito para Debra Winger, que trabalhou com James L. Brooks em Laços de Ternura. No entanto, Winger foi substituído por Holly Hunter no último minuto por causa de sua gravidez.[2] Entre as atrizes cogitadas para o papel estavam Sigourney Weaver, Christine Lahti, Elizabeth McGovern, Judy Davis e Elizabeth Perkins.[3]

A pedido de Jack Nicholson, o ator não foi pago e somente teve créditos no final do filme porque não queria distrair o público em relação aos protagonistas.[3]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Bilheteria[editar | editar código-fonte]

Broadcast News recebeu um lançamento limitado em 18 de dezembro de 1987 em sete cinemas onde ele conseguiu arrecadar USD $197,542 em sua semana de estreia.[4] Ele entrou na grande lançamento em 25 de dezembro de 1987, em 677 cinemas, arrecadando $5,5 milhões em sua semana de estreia. O filme passou a fazer $51,3 milhões na América do Norte e $16,1 milhões no resto do mundo, para um total mundial de $67,3 milhões.[5]

Principais prêmios e nomeações[editar | editar código-fonte]

Applications-multimedia.svg A Wikipédia possui o
  • Recebeu sete nomeações ao Óscar, nas seguintes categorias:
    • Melhor filme
    • Melhor director
    • Melhor actor (William Hurt)
    • Melhor actriz (Holly Hunter)
    • Melhor actor secundário (Albert Brooks)
    • Melhor fotografia
    • Melhor edição
    • Melhor argumento original
  • Recebeu cinco nomeações ao Globo de Ouro, nas seguintes categorias:
    • Melhor filme - comédia / musical
    • Melhor realizador
    • Melhor actor - comédia / musical (William Hurt)
    • Melhor actriz - comédia / musical (Holly Hunter)
    • Melhor argumento

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Box Office Information for Broadcast News. The Wrap. Retrieved April 4, 2013.
  2. Worrell, Denise. "Holly Hunter Takes Hollywood", Time, December 21, 1987. Página visitada em 2009-01-27.
  3. a b Você sabia ? AdoroCinema. Página visitada em 29 de abril de 2014.
  4. "Weekend Box Office : Appealing to All 'Generations'", Los Angeles Times. Página visitada em 2012-06-05.
  5. Broadcast News Box Office Mojo. Página visitada em 2009-01-27.
  • Os Melhores Filmes de Todos os Tempos, de Alan Smithee, 1995

Ligações externas[editar | editar código-fonte]