Bryn Terfel

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Terfel em setembro de 2010

Bryn Terfel Jones, CBE (País de Gales 9 de Novembro de 1965) é um baixo-barítono galês. É inicialmente associado com os papéis das óperas de Mozart e Wagner.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Bryn Terfel Jones nasceu em Pant Glas, País de Gales. Seu pai foi um fazendeiro. Ele sabia da existência de outro barítono galês chamado Bryn Jones, então Terfel escolheu o nome Bryn Terfel para ser seu nome profissional. Terfel demonstrou interesse e talento para a música desde muito jovem. Sua família e amigos ensinaram-o como cantar, começando com músicas tradicionais de seu país. Depois de vencer inúmeras competições de canto, Terfel mudou-se para Londres em 1984 e ingressou na Guildhall Escola de Música e Drama, onde ele estudou sob os ensinamentos de Rudolf Piernay, Ele graduou-se em 1989, vencendo o Prêmio Kathleen Ferrier e a Medalha de Ouro. Ele ganhou o segundo lugar, perdendo para Dmitri Hvorostovsky, no BBC Cardiff Singer of the World.

Em 2003, Terfel se tornou Comandante da Ordem do Império Britânico, recebendo a honra do príncipe de galês.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Em 1990, Terfel fez sua estréia operística como Gugliemo em Così Fan Tutte, de Mozart na Ópera Nacional Galesa, e posteriormente no mesmo ano ele cantou o papel título de Le Nozze di Figaro, também de Mozart - papel no qual fez sua estréia na English National Opera, em 1991. Sua carreira operística internacional começou em 1991, quando ele cantou Die Zauberflöte, de Mozart no teatro La Monnaie, em Bruxelas, e fez sua estréia nos Estados Unidos, cantando Figaro na Ópera de Santa Fé. Em 1992, fez sua estréia na Royal Opera House, em Covent Garden, no papel de Masetto, em Don Giovanii, com Thomas Allen. No mesmo ano, Terfel fez sua estréia no Festival de Páscoa Salzburg, cantando o papél de Spirit Messenger em Die Frau Ohne Schatten. Terfel fez sua estréia na Ópera Estatal de Viena com o papel de Figaro e no Covent Garden, como Masetto, em Don Giovanni. No mesmo ano, assinou um contrato exclusivo de gravações com a Deutsche Grammophon e retornou para a Ópera Nacional Galesa para cantar o papel de Ford em Falstaff. Em 1993, gravou o papel de Wilfred Shadbolt em The Yeomen of the Guard (ou The Merryman and His Maid), de Arthur Sullivan(com libretto de W. S. Gilbert), e cantou Figaro, tendo sido muito aclamado no Théâtre du Châtelet, em Paris. Terfel também disse que adoraria gravar um álbum com árias de Gilbert e Sullivan.

Em 1994, Terfel cantou Figaro no Covent Garden, estreando também no Metropolitan Opera e no Teatro Nacional de São Carlos, no mesmo papel. Cantou a Sinfonia nº8, de Gustav Mahler, no Festival de Ravinia, em Highland Park (Illinois), sob a batuta de James Levine. Em 1996, Terfel expandiu seu repertório, incluindo nele Wagner, cantando Wolfram, em Tannhäuser, no Metropolitan Opera, e Stravinsky, cantando Nick Shadow em The Rake's Progress na Ópera Nacional Galesa. Em 1997, Terfel fez sua estréia no La Scala, com o papel de Figaro. Em 1998, fez um recital no Carnegie Hall, onde cantou obras de Wolf, Fauré, Brahms, Schumann e Schubert, entre outros. Em 1999, apresentou-se em Paris com o papel título de Don Giovanni e fez sua estréia com Falstaff na Ópera Lírica de Chicago (posteriormente repetindo a performance na Royal Opera House).

Em 2007, Terfel apresentou o Ciclo do Anel, no Covent Garden, cantando novamente no Metropolitan Opera. Em 2009 cantou Scarpia, da Tosca, de Puccini, e Dutchman, de Der Fliegende Holländer, de Wagner, no Royal Opera House.

Vida Pessoal[editar | editar código-fonte]

Bryn Terfel é casado com Lesley, uma paixão de infância. O casal tem três filhos: Tomos, Morgan e Deio Sion. Em setembro de 2007, Bryn foi criticado por não participar do Ciclo do Anel no Covent Garden, pois seu filho de seis anos, Deio, teve que fazer três operações no seu braço, que estava quebrado.

Ele e sua família vivem em Bontnewynd, perto de Caernarfon, Gwynedd, Gales.

Referências[editar | editar código-fonte]

  • The Marriner/Philips Yeomen