Buffer (eletrônica)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes fiáveis e independentes. (desde outubro de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Um Buffer (ou buffer de tensão) é um amplificador de ganho unitário usado para isolar e conectar um estágio de alta impedância de saída a uma carga de baixa impedância de entrada.

Um buffer de tensão é usualmente chamado de seguidor de tensão, já que esse circuito faz uma cópia da tensão em sua entrada na sua saída. Ele é também conhecido como acoplador/casador de impedâncias.

Representação usual de um buffer de tensão feito com um amplificador operacional

O buffer feito com amplificador operacional é essencialmente um amplificador não-inversor, fazendo R2=0 e R1=infinito. Como a fórmula do ganho na configuração não-inversora é G=1+R2/R1, temos G=1+0/infinito=1V/V

Como é um amplificador de ganho unitário, não fornece ganho de tensão, porém o ampop pode fornecer corrente infinitamente (dentro de suas limitações), já que possui impedância de saída nula. Isso pode ocasionar ganho de potência na carga alimentada pelo buffer.

Por isso, buffers são usados à exaustão em circuitos eletrônicos diversos, como uma maneira simples e barata de garantir um perfeito acoplamento de impedâncias e ganho de potência estável (já que ampops têm geralmente uma boa resposta em frequência).

Ícone de esboço Este artigo sobre eletrônica é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.