Bureau d'Enquêtes et d'Analyses pour la Sécurité de l'Aviation Civile

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
A sede do BEA

O Bureau d'Enquêtes et d'Analyses pour la Sécurité de l'Aviation Civile (BEA) (Escritório de Investigações e Análises para a Segurança da Aviação Civil) é uma agência do governo francês, criada em 1946, com a missão de investigar acidentes aéreos e fazer recomendações de segurança baseadas nos resultados dessas investigações. Está sediado em Le Bourguet, nos subúrbios de Paris, na França.

Conforme o Relatório Anual de 2012, em 31 de dezembro daquele ano o BEA possuía 96 funcionários, (45 engenheiros, 15 técnicos, 14 funcionários operacionais e 22 funcionários administrativos).[1]

Em 2012 foram emitidas 69 recomendações de segurança, sendo 25 delas decorrentes da investigação do acidente com o voo AF 447.
Do total das recomendações, as que se destacaram foram as referentes a manutenção (22%), certificação/ergonomia (20%), treinamento da tripulação (19%) e procedimentos operacionais/documentação (17%).[1]

O organograma do BEA consiste de uma Diretoria Geral (cargo exercido por Jean-Paul Troadec),[2] à qual estão subordinados:

  • Diretoria de Gabinete
  • Secretaria Geral
  • Departamento de Informações e Relações Públicas
  • Departamento de Investigações
  • Departamento de Engenharia

Fonte: BEA (2013) [3]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Annual Report 2012 (em inglês) BEA. Página visitada em 28 de setembro de 2013.
  2. Jean-Paul Troadec (em francês) BEA. Página visitada em 28 de setembro de 2013.
  3. BEA Organisation Chart (em inglês) BEA. Página visitada em 28 de setembro de 2013.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre aviação, integrado ao Projeto Aviação, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre França é um esboço relacionado ao Projeto Europa. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.