Burren

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Grikes e clints (rochas) fazem parte da paisagem típica de Burren.

Burren (do irlandês An Bhoireann,“lugar pedregoso“) é uma região da Irlanda. Apresenta uma paisagem única, de relevo cárstico no Nordeste do condado “County Clare”. Abrange uma área de mais de 300 kilómetros2 e está rodeada pelas povoações de Ballyvaughan, Kinvarra, Gort, Corrofin, Kilfenora, Lisdoonvarna e por um farol chamado "Black Head Lighthouse".

Paisagens semelhantes só se encontram em Alvars na ilha sueca de Öland, na ilha Bruce-Halbinsel em Ontario (Canadá) e em diversos locais ao sul dos Grandes Lagos.

Esta região contem paisagens peculiares e diversos assentamentos arqueológicos, tais como o forte de Caherconnell e o dolmen de Poulnabrone.[1]

Lisdoonvarna[editar | editar código-fonte]

Lisdoonvarna (irlandêsLios Dúin Bhearna, alfabeto fonético internacional /ˈl´is ˌduːn´ ˈv´ɑrnə/) é a capital de Burren e tem 822 habitantes, segundo o censo de 2002. Aqui se localiza a única terma da Irlanda,com águas terapêuticas radioativas que contêm enxofre, magnésio, ferro e iodo. A cidade de Lisdoonvarna cresceu no início do Século XIX á volta das suas fontes. As fontes estão localizadas no caminho para a Ennistymon, que fica entre o Sulphur Hill ("Colina de Enxofre") e Black Head ("Chefe Negro").

Havia quatro fontes:

  • Copperas Well: Fechada. Sua água era usada para doenças de pele.
  • Fonte de magnésio e de ferro: Aberta todo o ano.
  • Fonte dupla de ferro e enxofre: Localizada no campo de golfe.
  • Poços de enxofre: Localizam-se no sopé da colina.

A água das fontes contém iodo, o qual é encontrado em grandes quantidades nas fontes de enxofre. Além disso, existem muitos sais minerais dissolvidos na água. Lisdoonvarna era muito visitada em 1845, muito antes de conseguir a sua certificação oficial de águas termais saudáveis.

O festival de namoro em Lisdoonvarna[editar | editar código-fonte]

A Festa da Colheita de Lisdoonvarna é conhecida muito além das fronteiras nacionais, porque ao mesmo tempo realiza-se o festival do namoro, o maior mercado de casamento na Europa.

Bar para encontros casamenteiros em Lisdoonvarna

Durante os festivais, milhares de solteiros juntam-se na cidade, para encontrarem o amor das suas vidas e visitar as muitas atrações turísticas irlandesas.[2]

O festival é muito conhecido principalmente por mães solteiras americanas e inglesas, e atualmente cada vez mais divorciadas e viúvas aderem à festa.[3]

O festival tem mais de 150 anos de tradição. O avô e o pai do organizador atual, Willie Daly, eram conhecidos por serem casamenteiros. Inicialmente o festival acontecia ao mesmo tempo em que o mercado agrícola e de gado se realizava, porque nesse período, muitos agricultores dos arredores se juntavam na cidade e aproveitavam essa chance para procurar suas futuras noivas.[4]

O festival de música de Lisdoonvarna[editar | editar código-fonte]

Desde o ano de 1978 até 1983 acontecia em Lisdoonvarna um festival de música com artistas famosos do Folk. O festival lendário voltou a ser realizado em 2003, no entanto apesar de manter o nome de Festival Lisdoonvarna – aconteceu desta vez em Dublin.[5] O músico Christy Moore dedicou uma de suas músicas, "Lisdoonvarna", a esse festival.

Referências

53° 03′ N 9° 06′ W