Cáudio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Cáudio (em latim: Caudium) é o nome de uma antiga cidade samnita situada sobre a Via Ápia, entre Benevento, da qual distava 11 milhas romanas, e Cápua, situada a 21 milhas. Tradicionalmente é situada na atual Montesarchio.

Nas primeiras fases da História Antiga da Itália foi uma importante cidade, ao ser a capital da tribo dos caudinos, embora não chegou a ser mais que um núcleo secundário. Encontraram-se enxovais funerários na necrópole vinculada a Cáudio, que demonstram o seu uso e, portanto, a sobrevivência da cidade, do século VIII a.C. até o III a.C.

O primeiro registro documental de Cáudio data da Segunda Guerra Samnita, quando em 321 a.C. o exército samnita, sob o comando de Caio Pôncio, acampou nas suas imediações antes de conseguir uma importante vitória sobre o exército romano no vizinho desfiladeiro das Forcas Caudinas.[1] Anos depois, os samnitas utilizaram Cáudio como núcleo para vigiar os habitantes da Campânia.[2]

Cáudio não é mencionada durante a Segunda Guerra Púnica, embora o sejam os caudinos, em várias ocasiões. Nehbur supõe que a cidade foi destruída pela República Romana em vingança pelo desastre sofrido nas Forcas Caudinas,[3] embora não existam evidências deste fato; por outro lado, num período posterior é conhecido que foi uma pequena parada mais no itinerário da Via Ápia, tanto na época de César Augusto como no império tardio.[4]

No período do triunvirato, Cáudio albergou uma colônia de veteranos, e como relata Plínio, e confirmam as fontes epigráficas, reteve o seu caráter municipal, apesar de se ver privada de grande parte do seu território em favor da cidade vizinha de Benevento.[5] A data da sua destruição é desconhecida, embora o topônimo ainda fosse utilizado no século IX, se bem que é ignorado se a cidade continuava existindo nesse momento.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • E.T. Salmon (1967), Samnium and the Samnites, Cambridge OU.P.
  • G. D'Henry (1967), Enciclopedia dell'arte antica, classica e orientale, Suppl. pp. 193–195

Referências

  1. Lívio 9.2
  2. Lívio 9.27
  3. Lívio 9.2
  4. Cláudio Ptolemeu iii. 1. § 67; Itinerário de Antonino p. 111; Itin. Her. p. 610; Tabula Peutingeriana
  5. Plínio iii. 11. s. 16; Lib. Colon. p. 232; Orelli, Inscr. 128, 131.
  • Este artigo foi inicialmente traduzido do artigo da Wikipédia em espanhol, cujo título é «Caudio».