Cão de ursos da Carélia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Cão de ursos da Carélia
Outros nomes Karjalankarhukoira / karelsk björnhund
País de origem  Finlândia
Características
Classificação e padrões
Federação Cinológica Internacional
Grupo 5
Seção 2 - Cães de tipo spitz e de tipo primitivo - nórdicos de caça
Estalão ##48 - 12 de março de 1999

Cão de ursos da Carélia[Nota] (em finlandês: Karjalankarhukoira) é uma raça típica entre os fortes da região, criada para capturar presas grandes. De pelagem incomum para os cães de seu grupo, alcançou popularidade internacional, tendo seu número reduzido na década de 1960. Atingindo 23 kg de peso não é considerado cão de companhia, pois seu instinto de caçador é ainda muito apurado e cruzamentos artificiais não foram realizados para diminuir esta característica.[1]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Fogle (2009), pág 159

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui multimídias sobre Cão de ursos da Carélia
Wikipedia lexikon2.jpg   Nota linguística: Na busca pela padronização de uma nomenclatura^ e para adequar a grafia da Wikipédia às normas do português, os nomes das raças - alguns mantidos no original (Fogle (2009)) - estão grafados em iniciais minúsculas, como também visto em dicionário de Cinologia. Todavia, as entidades cinófilas - CBKC do Brasil, CPC de Portugal e FCI - possuem o padrão adotado em maiúsculas, assim como a Enciclopédia Conhecer (vol. II, p. 414).


Ícone de esboço Este artigo sobre cães, integrado ao Projeto Cães é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.