Cérebro global

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Cérebro global é uma metáfora para a rede global inteligente, formada por pessoas e pelas tecnologias de informação e comunicação que as conectam em um todo "orgânico". À medida que a Internet se torna mais rápida, mais inteligente, ubíqua e inclusiva, tende a conectar as pessoas em um único sistema de processamento da informação, análogo a um "cérebro", para o planeta Terra.

Embora as ideias subjacentes seja bem mais antigas, a expressão foi introduzida em 1982 por Peter Russell, no seu livro The Global Brain. Em 1986, o artigo "Information routeing groups – Towards the global superbrain: or how to find out what you need to know rather than what you think you need to know" descreveu o modo como a Internet desenvolver-se-ia até chegar a isso.[1]

O primeiro artigo acadêmico sobre o assunto foi publicado por Mayer-Kress e Barczys, em 1995.[2] Segundo os autores, a exência de uma rede global de computadores firmemente conectada como a Internet poderia levar à emergência de uma estrutura globalmente auto-organizada que poderia ser chamada cérebro global. Associada a essa estrutura, haveria a capacidade de mais altos níveis de processamento da informação.

Francis Heylighen, que contribuiu significativamente para o desenvolvimento do conceito, distinguiu três tipos de perspectivas acerca do cérebro global - organicismo, enciclopedismo e emergentismo - as quais se desenvolveram de forma relativamente independente mas agora parecem se juntar em uma única concepção.[3]

Referências

  1. Andrews, D. (1986) "Information routeing groups – Towards the global superbrain: or how to find out what you need to know rather than what you think you need to know", Journal of Information Technology, 1, 1° de fevereiro, 22-35.
  2. Mayer-Kress, Gottfried; Barczys, Cathleen.The Global Brain As An Emergent Structure From The Worldwide Computing Network, And Its Implications For Modeling. The Information Society v. 11, n°1 (Jan-Mar 1995): 1-27.]
  3. Heylighen 2005

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Tecnologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.