CIN

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde julho de 2012).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde julho de 2012).
Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita fontes fiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde julho de 2012). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Trechos sem fontes poderão ser removidos.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing.

A CIN - Corporação Industrial do Norte, S.A. é uma empresa portuguesa cuja principal actividade consta no fabrico e comércio de tintas e vernizes. Está sediada na Maia, Portugal. É líder ibérica em tintas e vernizes.[1]

Com uma história de mais de 90 anos na indústria das tintas e vernizes, a CIN – Corporação Industrial do Norte, SA - é líder ibérica neste mercado desde 1995, ocupando o 42º lugar no ranking mundial de produtores de tintas e vernizes, no ano de 2011.[2] O seu portfolio de produtos corresponde a três diferentes segmentos - Decorativos, Indústria e Protecção Anti-Corrosivo - com gamas que abrangem todas as necessidades do mercado, quer do ponto de vista do consumidor final, quer do profissional. Em 2012, a Marca possuí 62 lojas em Portugal. Detentora de unidades fabris em Portugal, Espanha, França, Angola, Moçambique e China, a CIN exporta para vários mercados da Europa Central, América Latina, África e Ásia.

A empresa esteve cotada na Euronext Lisboa até 2007.[3]

História[editar | editar código-fonte]

  • 1917 - Fundação da Companhia Industrial do Norte, SARL, primeira empresa à qual aparece associada a marca CIN
  • 1926 - Constituição da CIN – Corporação Industrial do Norte, Lda.[4]
  • 1950 - Desde então, detém a liderança em acabamentos industriais
  • 1970 - Registo de um forte crescimento nas tintas decorativas.Internacionalização da CIN começa em a criação das Tintas CIN Angola, S.A. e, em 1973, das Tintas CIN Moçambique, SARL
  • 1985 - Constituição da CIN em Soc. Anónima (CIN – Corporação Industrial do Norte, S.A.)[4]
  • 1988 - Dispersão do capital em bolsa e admissão à cotação na BVL
  • 1989 - Aquisição da Fábrica de Tintas Lacose, Lda
  • 1990 - Aquisição da Sotinco – Sociedade de Tintas de Construção Tinco, S.A.
  • 1994 - Compra de 47,36% do capital da Barnices Valentine
  • 1996 - Criação de uma nova empresa comercial Lacose – Sotinco, Tintas e Vernizes,Lda. Aquisição da empresa Cros Pinturas. Reforço da participação na Barnices Valentine (+11%)
  • 1997 - Realização de uma Joint Venture com a DISA – Corporación Petrolífera, SA., criando a DISA Pinturas, SA., com uma participação de 50% no capital desta sociedade
  • 1999 - Detenção de 98% da BV
  • 2000 - Aquisição de 99,7% da NITIN - Nova Indústria de Tintas, S.A.
  • 2001 - Detenção de 100% da DISA Pinturas, SA.Alteração da designação social de DISA Pinturas, S.A., para Pinturas CIN Canárias, S.A.
  • 2002 - Participação de 33,6% do capital da Artilin, S.A., alargada em 2003 para 42,6%
  • 2005 - Aquisição da Ibercoat – Tintas em Pó, S.A.
  • 2006 - Aquisição da Proteisa - Productos Industriales, de Tenerife
  • 2007 - Aquisição de 2.61% da empresa italiana Boero Bartolomeo. Aquisições da divisão de acabamentos industriais da Robbialac e da Martolar S.A.
  • 2008 - Detenção de 100% da Artilin
  • 2009 - Aquisição de 100% da empresa francesa Celliose, S.A.
  • 2010 - Aquisição de 100% da empresa Industria de La Pintura

Empresas e Marcas da CIN[editar | editar código-fonte]

Portugal
  • CIN
  • CIN Indústria
  • Sotinco
  • Sotinco Refinish
  • Nitin
Espanha
  • Barnices Valentine
  • CIN Canárias
  • Industria de La Pintura
França
  • Artilin
  • Celliose
Angola
  • CIN Angola
Moçambique
  • CIN Moçambique

Referências

  1. (1989) "CIN of Portugal: computerisation and automation in paint manufacture". Pigment & Resin Technology 18 (4): 16–19. DOI:10.1108/eb042601. ISSN 0369-9420.
  2. 2011 Top Companies Report Coatings World. Visitado em 13 de Julho de 2011.
  3. CIN Comissão do Mercado de Valores Mobiliários. Visitado em 18 de Julho de 2012.
  4. a b http://www.cin.pt/portal/portal/user/anon/page/default.psml?categoryOID=6D808080808A80GC&contentid=&nl=pt
Ícone de esboço Este artigo sobre uma empresa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.