Cabeceiras

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Cabeceiras
Bandeira desconhecida
Brasão desconhecido
Bandeira desconhecida Brasão desconhecido
Hino
Fundação 15 de novembro de 1958
Gentílico Não disponível
Prefeito(a) Antonio Cardoso da Silva (PSL)
(2013–2016)
Localização
Localização de Cabeceiras
Localização de Cabeceiras em Goiás
Cabeceiras está localizado em: Brasil
Cabeceiras
Localização de Cabeceiras no Brasil
15° 48' 03" S 46° 55' 37" O15° 48' 03" S 46° 55' 37" O
Unidade federativa  Goiás
Mesorregião Leste Goiano IBGE/2008 [1]
Microrregião Entorno do Distrito Federal IBGE/2008 [1]
Distância até a capital Não disponível
Características geográficas
Área 1 127,601 km² [2]
População 7 717 hab. IBGE/2013[3]
Densidade 6,84 hab./km²
Clima Não disponível
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,668 médio PNUD/2010 [4]
PIB R$ 92 200,989 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 13 566,95 IBGE/2008[5]
Página oficial

Cabeceiras é um município brasileiro do estado de Goiás.

História[editar | editar código-fonte]

O povoamento de Cabeceiras teve origem nos idos de 1942, com a construção de uma casa residencial por Antônio Ribeiro de Andrade, conhecido por "Antônio Baiano", seguida por uma capela em louvor a Santa Rosa de Lima, na vertente do Córrego Taboquinha.

Devido à fertilidade do solo e ao clima agradável, novas famílias se instalaram na região, com a criação de casas comerciais e pequenas indústrias, formando-se um povoado que recebeu a denominação de "Cabeceiras", por localizar-se nas nascentes do córrego Taboquinha, pertencente à Bacia do São Francisco.

Paralelamente ao comércio, a atividade com lavoura e criação de gado cresceu expressivamente, graças à fecundidade da terra e riqueza das pastagens naturais, vindo a tornar-se as principais fontes econômicas da localidade.

Elevado a distrito pela Lei Municipal nº 44, de 29 de dezembro de 1952, pertencente ao município de Formosa. Foi elevado à categoria de município com a mesma denominação, pela Lei Estadual nº 2102 em 14 de novembro de 1958, desmembrando de Formosa com sede no distrito de Cabeceiras sendo instalado em 1º de janeiro de 1959.

Junto com Cristalina e Formosa faz parte da Bacia do São Francisco.

Cabeceiras, no entorno do Distrito Federal, mesmo com cerca de 7 mil habitantes, joga e conta com uma forte equipe de futebol amador. É o São Miguel Esporte Clube, com sede na rua Pedro A. Brandão - Centro.

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Página visitada em 5 dez. 2010.
  3. Estimativa Populacional 2013 (PDF) Censo Populacional 2013. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (01/07/2013). Página visitada em 23/10/2013.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2010). Página visitada em 31 de julho de 2013.
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Página visitada em 11 dez. 2010.
Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Goiás é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.