Cabo Tênaro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Cabo Taenarum)
Ir para: navegação, pesquisa
Localização do cabo Tênaro (ou Matapão).
O cabo Tênaro (ou Matapão) é o ponto mais a sul dos Balcãs e da Grécia continental.

O cabo Tênaro (em grego: Ακρωτήριον Ταίναρον; transl.: Akrotírion Taínaron), também conhecido como cabo Matapão (em grego: Κάβο Ματαπάς; transl.: Kávo Matapás, ou Ματαπά no dialeto local da península de Mani), fica situado no extremo sul da península de Mani, na Lacónia, Peloponeso, Grécia. Este cabo é o ponto mais meridional da Grécia continental, separando o golfo de Messênia (a oeste) do golfo da Lacónia (a leste). É ainda o ponto mais meridional da península balcânica.

O cabo Tênaro ou Matapão tem sido um ponto importante desde há milhares de anos. Há no local uma gruta que as lendas da Grécia Antiga afirmavam ser o local onde a divindade Hades, deus dos mortos, morava. Os antigos espartanos construíram vários templos dedicados a diversas divindades. Na colina acima da caverna situam-se os restos de um antigo templo dedicado a Posêidon (Νεκρομαντεῖον Ποσειδῶνος) que se supõe ter sido construído pelos acaios antes da conquista dos dórios, e onde os periecos e hilotas praticavam os seus cultos. Toda a península estava aliás dedicada a Posêidon. O templo foi saqueado pelos etólios no século III a.C..

Pausânias menciona dois portos: Psamatunte (Psamathus, Ψαμαθοῦς), e Porto de Aquiles ou Aquileu (ὁ λιμὴν Ἀχίλλειος). Cílax também os menciona. Estrabão menciona o primeiro como nome de Amatos (Amathus, Ἀμαθοῦς). Os portos provavelmente correspondem a Kaio e Vathy.

Os restos do templo de Posêidon podem ainda ver-se em Asomato ou Cisternes, na parte oriental do cabo.

Na época do Império Bizantino, o templo foi convertido em igreja cristã, que ainda permanece, tal como uma muralha.

O cabo era ainda onde os mercenários esperavam ser contratados.

Já na época moderna, no cabo o SS Californian teve papel polémico aquando do acidente com o Titanic, foi torpedado e afundado pelos alemães em 1915. Em março de 1941, uma grande batalha naval, a Batalha do Cabo Matapan, deu-se ao largo, entre a Royal Navy e a Regia Marina, na qual os britânicos saíram vencedores, com a consequência dos italianos verem fortemente reduzida a sua presença naval no mediterrâneo oriental[1] .

Hoje há um farol no local, mas sem uso. É local de rotas migratórias de aves.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]