Café A Brasileira (Braga)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Brasileira Braga.JPG

O Café A Brasileira é um dos mais emblemáticos cafés da cidade de Braga, em Portugal, localizado no Largo Barão de São Martinho, em pleno centro histórico da cidade.

História[editar | editar código-fonte]

O estabelecimento foi fundado por Adriano Soares Teles do Vale [1] , nascido em Alvarenga (Arouca), concelho de Arouca, da Área Metropolitana do Porto, na Casa de Cimo d'Aldeia, que, ainda jovem, emigrou para o Brasil. Era pai de Inocêncio Galvão Teles. No Brasil, dedicou-se ao negócio do café, com o que enriqueceu nos finais do século XIX. Casou no Brasil com uma filha de fazendeiros do Estado de Minas Gerais, onde se dedicou à fundação de um estabelecimento comercial inicialmente chamado "Ao preço fixo", que incluía também casa de câmbios, e à produção agrícola, em particular de café, que importou para Portugal e, regressando a Portugal por motivos de saúde da primeira mulher, que acabaria por cá falecer, criou uma rede de pontos de venda do café que produzia e importava do Brasil: as famosas "Brasileiras", espalhadas por Lisboa (Chiado e Rossio), Porto, Braga, Aveiro, Coimbra e Sevilha. Adriano Teles foi também um homem de cultura, com interesse pela música e pela pintura. Fundou a Banda de Alvarenga, financiando a compra dos seus primeiros instrumentos, e fez, da Brasileira do Chiado, o primeiro museu de arte moderna em Lisboa. No Brasil, ainda no séc. XIX, teve ainda passagem pela imprensa e pela política, tendo sido Vereador da Câmara da cidade onde casara e se estabelecera.

Em 1937, o café foi adquirido por Joaquim Queirós, que o manteve nas quatro décadas seguintes, integrando o vizinho café Sport (na parte mais baixa do café).

Em 1977, foi passado a Joaquim Domingos Godinho.

Em 2004, foi comprado por Armindo Pinheiro, originário da Ponte da Barca, que ganhou o gosto pelo negócio da restauração nos quase 30 anos em que permaneceu emigrado no Brasil, onde ainda hoje tem algumas "lanchonetes" no Rio de Janeiro. O café foi alvo de importantes obras de restauro e modernização entre Setembro de 2008 e Março de 2009, mantendo a traça original. Actualmente é gerido pelas filhas do investidor.[2]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Café A Brasileira (Braga)

Referências