Cafre

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A palavra Cafre é um termo ofensivo para designar uma pessoa de raça negra, especialmente na sua tradução inglesa, kaffir, na África do Sul e outros países africanos, onde é considerado derrogatório. Originalmente era um termo neutro para designar os negros africanos. Cafre, ou Cafreal, designa uma hipotética língua do povo de uma região designada como Cafraria, termo que, nos textos antigos, refere uma região muito extensa que se poderia definir como a parte conhecida pelos europeus da África Austral.

Modernamente, cafre pode também designar um Xhosa.

Etimologia[editar | editar código-fonte]

Cafre deriva da palavra árabe كافر que é normalmente traduzida em português por português "infiel". O termo foi originalmente aplicado a não muçulmanos a sul e este do continente africano por mercadores árabes. É verosímil que navegadores portugueses, ao encontrar estes mercadores, interpretassem a palavra como representando a etnia dos provos africanos que encontrava. Camões usou a forma plural do termo (cafres) no Canto V de Os Lusíadas em 1572. Esta interpretação foi provavelmente transmitida a outros colonizadores e exploradores europeus.

O termo kāfir é o particípio activo da raiz semítica K-F-R "cobrir" ou "infiel". Como termo pré-islâmico, descrevia agricultores enterrando sementes, cobrindo-as com solo durante a sementeira. Por isso a palavra kāfir implica o significado de "alguém que se esconde ou cobre". Na terminologia islâmica, um kāfir é alguém que rejeita a fé islâmica, i.e., "oculta ou cobre a verdade".

Uso histórico[editar | editar código-fonte]

Uso recente[editar | editar código-fonte]

O comentador Vasco Pulido Valente, usou num artigo de opinião do jornal Público de 15 de Maio de 2010 a expressão "semicafres do Mediterrâneo" e "semicafres de Leste" para designar os povos do sul e este da UE na perspectiva dos europeus do norte.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]