Calcedônia (mineral)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes. (desde julho de 2010). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Calcedónia
Categoria Óxido mineral
Cor Várias
Fórmula química Sílica (dióxido de silício, SiO2)
Propriedades cristalográficas
Sistema cristalino Trigonal
Propriedades ópticas
Transparência Translúcido
Propriedades físicas
Peso molecular 60 g / mol
Peso específico 2.59 - 2.61
Dureza 6 - 7
Clivagem Ausente
Fratura Desigual, estilhaçado, concoidal
Risca Branco
Referências [1]

Calcedônia (português brasileiro) ou Calcedónia (português europeu) é uma das variedades criptocristalinas do mineral quartzo, tendo um brilho graxo. Pode ser semitransparente ou translúcida e é geralmente branca a cinzenta, cinzento-azulada ou em alguma tonalidade de marrom, às vezes quase preta.

Outras tonalidades recebem nomes específicos. A calcedónia vermelha é conhecida como cornalina ou sárdio; a variedade verde colorida por óxido de níquel é chamada crisoprásio. Prásio tem cor verde-alho. Plasma é uma calcedónia de cor clara a verde-esmeralda que é encontrada às vezes com pequenos pontos de jaspe assemelhando-se a gotas de sangue; foi chamada de pedra-de-sangue ou heliotrópio.

A calcedónia é um dos poucos minerais que é encontrado em geodos.

O termo calcedónia é derivado do nome em grego da antiga cidade de Calcedónio (Chalkedon), na Ásia Menor, no que é hoje a parte oriental da cidade turca de Istambul.

Referências

  1. Rudolf Duda and Lubos Rejl: Minerals of the World (Arch Cape Press, 1990)

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um mineral ou mineraloide é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Calcedônia (mineral)