Campeonato Brasileiro de Futebol de 2004

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
XLVIII Campeonato Brasileiro de Futebol
Brasileirão 2004
Dados
Participantes 108
Organização CBF
Local de disputa  Brasil
Período 21 de abril19 de dezembro
Gol(o)s 2983
Jogos 1102
Média 2,71 gol(o)s por partida
Campeão Santos (8º título)
Vice-campeão Atlético Paranaense
Melhor marcador Washington (Atlético Paranaense) – 34 gols
Outras divisões
Série B Brasiliense
Série C União Barbarense
◄◄ Brasil Brasileirão 2003 Soccerball.svg Brasileirão 2005 Brasil ►►

O Campeonato Brasileiro de Futebol de 2004 foi o segundo disputado em sistema de pontos corridos, e teve como vencedor o Santos, comandado pelo técnico Wanderlei Luxemburgo. Em segundo lugar ficou o Atlético Paranaense, que esteve na liderança por 11 rodadas seguidas, mas perdeu a posição na penúltima rodada. Graças a essa disputa, o campeonato ficou sem definição até os últimos jogos.

O Santos teve ainda o melhor ataque da competição, mas o artilheiro foi Washington, do Atlético Paranaense, que com 34 gols marcados bateu o recorde de artilharia em uma única edição do campeonato.

O São Caetano sofreu o maior golpe de sua história. Em um jogo contra o São Paulo, em 26 de outubro, o zagueiro Serginho faleceu em campo, em decorrência de uma parada cardíaca. O clube foi punido com a perda de 24 pontos na classificação terminando assim na 18º colocação.

Série A[editar | editar código-fonte]

O Atlético Paranaense perdeu a liderança na penúltima rodada, ao ser derrotado pelo Vasco da Gama em São Januário. O Santos, que naquela altura estava a 2 pontos do Atlético-PR, não perdeu a oportunidade de assumir a liderança isolada e ganhou o seu desafio contra o São Caetano, abrindo 1 ponto de vantagem. Na rodada final, o Atlético precisava vencer e esperar por um empate do Santos, mas o clube paulista confirmou o título vencendo o Vasco por 2 a 1.

Série A 2004
Times Pts J V E D GP GC SG AP
1 São Paulo Santos 89 46 27 8 11 103 58 45 64%
2 Paraná Atlético Paranaense 86 46 25 11 10 93 56 37 62%
3 São Paulo São Paulo 82 46 24 10 12 78 43 35 59%
4 São Paulo Palmeiras 79 46 22 13 11 72 47 25 57%
5 São Paulo Corinthians 74 46 20 14 12 54 54 0 54%
6 Goiás Goiás 72 46 21 9 16 81 68 13 52%
7 Rio Grande do Sul Juventude 70 46 20 10 16 60 66 -6 51%
8 Rio Grande do Sul Internacional 67 46 20 7 19 66 59 7 49%
9 Rio de Janeiro Fluminense 67 46 18 13 15 65 68 -3 49%
10 São Paulo Ponte Preta 64 46 19 7 20 43 73 -30 46%
11 Santa Catarina Figueirense 63 46 17 12 17 57 59 -2 46%
12 Paraná Coritiba 62 46 15 17 14 53 48 5 45%
13 Minas Gerais Cruzeiro 56 46 16 8 22 69 81 -12 41%
14 Pará Paysandu 56 46 14 14 18 56 76 -20 41%
15 Paraná Paraná 54 46 15 9 22 52 73 -21 39%
16 Rio de Janeiro Vasco 54 46 14 12 20 64 68 -4 39%
17 Rio de Janeiro Flamengo 54 46 13 15 18 51 53 -2 39%
18 São Paulo São Caetano 53 46 23 8 15 65 49 16 38%
19 Minas Gerais Atlético Mineiro 53 46 12 17 17 60 66 -6 38%
20 Rio de Janeiro Botafogo 51 46 11 18 17 62 71 -9 37%
21 Santa Catarina Criciúma 50 46 13 11 22 61 78 -17 36%
22 São Paulo Guarani 49 46 11 16 19 43 55 -12 36%
23 Bahia Vitória 48 46 13 9 24 68 87 -19 35%
24 Rio Grande do Sul Grêmio 39 46 9 12 25 60 80 -20 28%
PG – Pontos ganhos; J – Jogos; V - Vitórias; E - Empates; D - Derrotas;
GP – Gols pró; GC – Gols contra; SG – Saldo de gols
Zona de classificação da Libertadores
Zona de classificação da Copa Sul-americana
Zona de Rebaixamento

Campeão[editar | editar código-fonte]

Campeonato Brasileiro de 2004
Bandeira do estado de São Paulo.svg
Santos Futebol Clube
(8º título)

Série B[editar | editar código-fonte]

O Brasiliense foi o campeão da Série B de 2004, quatro ano depois de ser criado (em 2000). O Brasiliense havia sido campeão da Série C dois anos antes. O vice foi o Fortaleza do Ceará que por pouco não deixa escapar a vaga para a Série A ao ficar com o mesmo número de pontos do Avaí, mas vencendo no saldo de gols.

Classificação da 1ª fase
Time PG J V E D GP GC SG
1 Distrito Federal (Brasil) Brasiliense 46 23 13 7 3 43 22 21
2 Pernambuco Náutico 45 23 14 3 6 46 27 19
3 Bahia Bahia 43 23 13 4 6 38 24 14
4 São Paulo Ituano 42 23 12 6 5 41 20 21
5 Ceará Fortaleza 39 23 11 6 6 43 29 14
6 São Paulo Marília 36 23 10 6 7 38 29 9
7 Santa Catarina Avaí 36 23 10 6 7 28 30 -2
8 Pernambuco Santa Cruz 35 23 10 5 8 35 25 10
9 São Paulo Paulista 35 23 10 5 8 32 32 0
10 Rio Grande do Sul Caxias 34 23 10 4 9 30 32 -2
11 São Paulo Portuguesa 31 23 8 7 8 31 31 0
12 Ceará Ceará 30 23 9 3 11 30 33 -3
13 Goiás Anapolina 30 23 9 3 11 25 29 -4
14 São Paulo Santo André* 29 23 12 5 6 38 28 10
15 Alagoas CRB 29 23 7 8 8 32 33 -1
16 Amazonas São Raimundo-AM 28 23 8 4 11 31 36 -5
17 Pernambuco Sport 28 23 7 7 9 24 31 -7
18 Goiás Vila Nova 27 23 7 6 10 34 38 -4
19 Rio Grande do Norte América de Natal 26 23 7 5 11 22 36 -14
20 Pará Remo 25 23 5 10 8 30 40 -10
21 Minas Gerais América Mineiro 23 23 6 5 12 25 40 -15
22 Santa Catarina Joinville 18 23 6 0 17 24 42 -18
23 São Paulo Mogi Mirim 18 23 2 12 9 26 38 -12
24 Paraná Londrina 17 23 4 5 14 19 40 -21
PG – Pontos ganhos; J – Jogos; V - Vitórias; E - Empates; D - Derrotas;
GP – Gols pró; GC – Gols contra; SG – Saldo de gols
Classificados para a Segunda Fase
Eliminados na Primeira Fase
Rebaixados à Série C de 2005

Série C[editar | editar código-fonte]

Na Série C, o campeão foi o União Barbarense e o vice foi o Gama do Distrito Federal, os dois clubes subiram para a Série B em 2005.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Soccerball.svg Bola de Prata da Revista Placar de 2004 Soccerball.svg

Seleção Rogério Ceni (SPC)Paulo Baier (GOI)Lugano (SPC)Rodrigo (SPC)Léo (SAN)Mineiro (SCT)Magrão (PAL)Ricardinho (SAN)Petković (VAS)Robinho (SAN)Washington (CAP)


Melhor Jogador Robinho (SAN)Artilheiro Washington (CAP)