Campeonato Brasileiro de Futebol de 2010 - Série C

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Campeonato Brasileiro de 2010 - Série C
Brasileirão 2010 - Série C
Brasil.
Dados
Participantes 20
Organização CBF
Período 18 de julho20 de novembro
Gol(o)s 208
Jogos 94
Média 2,21 gol(o)s por partida
Campeão ABC
Vice-campeão Ituiutaba
Promovido(s) ABC
Ituiutaba
Criciúma
Salgueiro
Rebaixado(s) Alecrim
Juventude
Gama
São Raimundo-PA
Melhor marcador Bruno Rangel (Paysandu) – 8 gols
Melhor ataque (fase inicial) Paysandu – 15 gols
Melhor defesa (fase inicial) Criciúma, Ituiutaba – 4 gols
Maior goleada
(diferença)
Paysandu 6–2 Rio Branco
Estádio da CuruzuBelém
17 de julho, primeira fase (Grupo A)
Público 498 253
Média 5 300,6 pessoas por partida
◄◄ Brasil Série C 2009 Soccerball.svg Série C 2011 Brasil ►►

A Série C do Campeonato Brasileiro de Futebol de 2010 foi uma competição de futebol realizada no Brasil, equivalente à terceira divisão. Contando como a 21ª edição da história, foi disputada entre os dias 18 de julho a 20 de novembro de 2010. Os quatro semifinalistas tiveram acesso à Série B de 2011 e os últimos colocados de cada grupos na primeira fase foram rebaixados à Série D de 2011.

O título ficou com o ABC após vencer o Ituiutaba nas finais pelo placar agregado de 1–0 (vitória simples em Minas Gerais e empate por 0–0 em casa). Além dos finalistas, Criciúma e Salgueiro, eliminados nas semifinais, garantiram o acesso à Série B de 2011.[1]

Em contrapartida, foram rebaixados à Série D o São Raimundo-PA, o Alecrim e os tradicionais Juventude e Gama.[2]

Formato e regulamento[editar | editar código-fonte]

Teve mesmo formato do ano anterior, com a participação de 20 clubes: os doze eliminados nas duas primeiras fases da Série C de 2009, os quatro rebaixados da Série B de 2009 e os quatro times que subiram da Série D de 2009.

A primeira fase foi composta de quatro grupos com 5 clubes cada, com jogos em turno e returno dentro dos grupos. De cada grupo, os dois melhores classificaram-se para a fase seguinte e o último colocado de cada grupo foi rebaixado para a Série D de 2011.[3]

Na segunda fase, a disputa passou a ser em partidas de ida e volta em sistema eliminatório (mata-mata). Os vencedores nessa fase foram semifinalistas do campeonato e tiveram o direito de disputar as finais com jogos de ida e volta e assim, garantindo o acesso à Série B de 2011.[3]

Participantes[editar | editar código-fonte]

Equipe Cidade Estado Em 2009 Estádio Capacidade[4]
ABC Natal Rio Grande do Norte RN 20º (Série B) Frasqueirão 18 000
Águia Marabá Pará PA 12º (Série C) Zinho de Oliveira 4 000
Alecrim Natal Rio Grande do Norte RN 4º (Série D) Machadão 30 000
Brasil Pelotas Rio Grande do Sul RS 6º (Série C) Bento Freitas 18 000
Campinense Campina Grande Paraíba PB 19º (Série B) O Amigão 35 000
Caxias Caxias do Sul Rio Grande do Sul RS 5º (Série C) Centenário 30 822
Chapecoense Chapecó Santa Catarina SC 3º (Série D) Arena Condá 15 000
CRB Maceió Alagoas AL 16º (Série C) Rei Pelé 20 801
Criciúma Criciúma Santa Catarina SC 15º (Série C) Heriberto Hülse 22 000
Fortaleza Fortaleza Ceará CE 18º (Série B) Castelão 58 400
Gama Gama Distrito Federal (Brasil) DF 14º (Série C) Bezerrão 20 000
Ituiutaba Ituiutaba Minas Gerais MG 11º (Série C) Fazendinha 3 840
Juventude Caxias do Sul Rio Grande do Sul RS 17º (Série B) Alfredo Jaconi 23 726
Luverdense Lucas do Rio Verde Mato Grosso MT 13º (Série C) Passo das Emas 4 000
Macaé Macaé Rio de Janeiro RJ 2º (Série D) Cláudio Moacyr 15 000[5]
Marília Marília São Paulo SP 9º (Série C) Bento de Abreu 17 963
Paysandu Belém Pará PA 8º (Série C) Curuzu 12 500
Rio Branco Rio Branco Acre AC 7º (Série C) Arena da Floresta 20 000
Salgueiro Salgueiro Pernambuco PE 10º (Série C) Cornélio de Barros 5 000
São Raimundo Santarém Pará PA 1º (Série D) Colosso do Tapajós 19 254

Primeira fase[editar | editar código-fonte]

Grupo A[editar | editar código-fonte]

Grupo B[editar | editar código-fonte]

Grupo C[editar | editar código-fonte]

Grupo D[editar | editar código-fonte]

Equipes classificadas à fase final
Equipes rebaixadas à Série D de 2011

Fase final[editar | editar código-fonte]

Quartas-de-final Semifinais Final
        
                                     
 Pará Paysandu 1 2 3  
 Pernambuco Salgueiro* 1 3 4  
   Pernambuco Salgueiro 1 0 1  
   Rio Grande do Norte ABC 1 2 3  
 Rio Grande do Norte ABC* 1 3 4
 Pará Águia de Marabá 0 1 1  
   Rio Grande do Norte ABC 1 0 1
   Minas Gerais Ituiutaba 0 0 0
 Minas Gerais Ituiutaba* (gf) 1 0 1  
 Santa Catarina Chapecoense 1 0 1  
   Minas Gerais Ituiutaba (pen) 1 1 2 (4)
   Santa Catarina Criciúma 1 1 2 (2)
 Santa Catarina Criciúma* 2 2 4
 Rio de Janeiro Macaé 3 0 3

*Classificados à Série B de 2011.

Classificação geral[editar | editar código-fonte]

Classificação geral
Time Pts J V E D GP GC SG
1 Rio Grande do Norte ABC 26 14 7 5 2 19 8 +11
2 Minas Gerais Ituiutaba 20 14 4 8 2 12 8 +4
3 Santa Catarina Criciúma 17 12 4 5 3 13 9 +4
4 Pernambuco Salgueiro 16 12 4 4 4 16 15 +1
5 Rio de Janeiro Macaé 17 10 5 2 3 15 12 +3
6 Pará Paysandu 15 10 4 3 3 18 13 +5
7 Santa Catarina Chapecoense 13 10 3 4 3 10 10 0
8 Pará Águia de Marabá 12 10 3 3 4 12 11 +1
9 Mato Grosso Luverdense 12 8 3 3 2 12 10 +2
10 Ceará Fortaleza 12 8 2 6 0 9 7 +2
11 Alagoas CRB 11 8 3 2 3 8 11 -3
12 Paraíba Campinense 10 8 3 1 4 7 7 0
13 Rio Grande do Sul Caxias 10 8 2 4 2 6 6 0
14 Rio Grande do Sul Brasil de Pelotas 10 8 2 4 2 4 5 -1
15 Acre Rio Branco 10 8 2 4 2 12 17 -5
16 São Paulo Marília 6 8 1 3 4 7 12 -5
17 Rio Grande do Norte Alecrim 10 8 2 4 2 9 10 -1
18 Rio Grande do Sul Juventude 8 8 1 5 2 6 8 -2
19 Distrito Federal (Brasil) Gama 5 8 0 5 3 5 11 -6
20 Pará São Raimundo-PA 3 8 0 3 5 8 15 -7
Promovidos à Série B de 2011 e finalistas.
Promovidos à Série B de 2011 e eliminados nas semifinais.
Eliminados nas quartas-de-final.
Rebaixados à Série D de 2011.

Premiação[editar | editar código-fonte]

Campeonato Brasileiro 2010
Série C
Rio Grande do Norte
ABC Futebol Clube
(1º título)

Maiores públicos[editar | editar código-fonte]

Esses foram os dez maiores públicos do Campeonato:[6]

Público Mandante Placar Visitante Estádio Data
1 24.188 Ceará Fortaleza 1–1 Acre Rio Branco Castelão 11 de setembro
2 23.769 Pará Paysandu 1–1 Ceará Fortaleza Mangueirão 22 de agosto
3 19.313 Ceará Fortaleza 1–1 Pará Paysandu Castelão 7 de agosto
4 18.681 Santa Catarina Criciúma 2–0 Rio de Janeiro Macaé Heriberto Hülse 23 de outubro
5 16.322 Ceará Fortaleza 2–1 Pará São Raimundo-PA Castelão 29 de agosto
6 16.150 Rio Grande do Norte ABC 3–1 Pará Águia de Marabá Frasqueirão 24 de outubro
7 15.153 Rio Grande do Norte ABC 0–0 Minas Gerais Ituiutaba Frasqueirão 20 de novembro
8 15.115 Pará Paysandu 2–3 Pernambuco Salgueiro Curuzu 17 de outubro
9 12.617 Santa Catarina Criciúma 1–1 Rio Grande do Sul Juventude Heriberto Hülse 19 de setembro
10 11.726 Santa Catarina Criciúma 1–0 Rio Grande do Sul Caxias Heriberto Hülse 5 de setembro
  • i. ^ Considera-se apenas o público pagante

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. 20 de novembro de 2010. ABC segura empate contra o Ituiutaba e conquista o título da Série C UOL Esporte. Visitado em 20 de novembro de 2010.
  2. 19 de setembro de 2010. Juventude só empata em Criciuma e cai para a Série D; Fortaleza é eliminado UOL Esporte. Visitado em 20 de novembro de 2010.
  3. a b CBF (21 de maio de 2010). Regulamento específico da competição – Série C/2010 (em português). Visitado em 17 de novembro de 2010.
  4. Cadastro Nacional de Estádios de Futebol (CNEF) (PDF) (em português) Confederação Brasileira de Futebol (CBF) (15 de setembro de 2009). Visitado em 17 de novembro de 2010.
  5. Estádio Cláudio Moacyr de Azevedo é inaugurado MacaeNews.com.br (5 de agosto de 2010). Visitado em 28 de agosto de 2010.
  6. Estatísticas do Campeonato Brasileiro Série C 2010 (em português) Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Visitado em 17 de novembro de 2010.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Série C 2009
24 de maio - 19 de setembro
Série C 2010
18 de julho - 21 de novembro
Sucedido por
Série C 2011
17 de julho - 20 de novembro