Campeonato Equatoriano de Futebol

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Campeonato Equatoriano de Futebol
'Copa Credife'
Dados gerais
Organização FEF
Edições 54
Local de disputa Equador
Número de equipes 12
Sistema Pontos corridos
editar

O Campeonato Equatoriano de Futebol(Primera Categoria Serie A ou Copa Credife) é a principal competição entre clubes de futebol no Equador. O torneio é organizado pela Federação Equatoriana de Futebol e está divido em três divisões (Série A, Série B e Segunda Categoria).

O atual campeão é o Emelec. O clube também é o terceiro maior vencedor do campeonato, com 11 conquistas.

Fórmula de Disputa[editar | editar código-fonte]

Em dezembro de 2009, um Comitê Executivo formado pelos dirigentes da federação e dos clubes participantes elegeu a fórmula de disputa para o campeonato de 2010. A competição possui 3 etapas e é disputada por 12 equipes entre os meses de fevereiro e dezembro.

Na primeira e na segunda etapas, todos os clubes jogam entre si em turno e returno dentro do sistema de pontos corridos. Os primeiros colocados de ambas as etapas disputam a final (terceira etapa) em dois jogos (ida e volta) realizados no mês de dezembro. O clube vencedor é declarado Campeão Equatoriano.

Clubes Participantes[editar | editar código-fonte]

Doze clubes disputam a Primeira Categoría Serie A em 2010:

Clube Cidade Participações Temporada 2009 Títulos
Barcelona Guayaquil 51 10º 13
Deportivo Cuenca Cuenca 33 02º 1
Deportivo Quito Quito 47 01º 4
El Nacional Quito 47 09º 13
Emelec Guayaquil 51 03º 10
Espoli Quito 16 07º 0
Independiente José Terán Sangolquí 1 Série B (01º) 0
LDU Quito 49 04º 10
Macará Ambato 28 06º 0
Manta FC Manta 3 08º 0
Olmedo Riobamba 17 05º 1
Universidad Católica Quito 27 Série B (02º) 0

História[editar | editar código-fonte]

A profissionalização do futebol equatoriano ocorreu nos anos 50, quando os clubes participantes das ligas de Guayaquil (1951) e Quito (1954) deixaram o amadorismo. O primeiro campeonato nacional demoraria mais alguns anos para ser realizado.

Em 1957, representantes das duas associações locais chegaram a um acordo para a criação de uma competição que seria disputada entre as melhores equipes de ambas as regiões. Nascia o Campeonato Equatoriano de Futebol, então chamado de Inter-Andino.

A primeira edição, disputada pelos campeões e vices de Quito e Guayaquil, foi vencida pelo Emelec. Nos anos seguintes, os principais clubes das outras regiões do país começaram a tomar parte da disputa.

Em 1967, nascia a Associação Equatoriana de Futebol, que viria a se tornar a atual Federação onze anos depois.

O crescimento na quantidade de participantes fez com que fosse necessária a criação de uma segunda divisão de profissionais em 1971 (a Série B). Nos anos seguintes, o campeonato sofreria um inchaço e chegaria a ser disputado por 18 clubes no ano de 1987. Esse número seria reduzido paulatinamente até atingir a marca de 10 na temporada 2000.

Foi somente nesta década que uma equipe de fora do eixo Quito-Guayaquil conquistou uma competição nacional. Olmedo (2000) e Deportivo Cuenca (2004) são, até hoje, os únicos vencedores de fora dos grandes centros do país.

As fórmulas de disputa sofreram constantes mudanças, ano após ano. Em 2005, houve uma tentativa de se adotar o sistema argentino de temporada dupla (Torneios Apertura e Clausura), declarando dois campeões nacionais em um mesmo ano.

Entetanto, o campeonato volta ao sistema antigo em 2006, quando o número de participantes volta a subir, dessa vez para 12 clubes.

Devido a contratos de patrocínio, o campeonato foi chamado de Copa Pilsener (cerveja) entre 2003 e 2008. Em 2009, o nome passou a ser Copa Credife, nome da nova patrocinadora.

Campeões[editar | editar código-fonte]

Ano Campeão Vice-Campeão
1957 Emelec Barcelona
1960 Barcelona Emelec
1961 Emelec Patria
1962 Everest Barcelona
1963 Barcelona Emelec
1964 Deportivo Quito El Nacional
1965 Emelec Nueve de Octubre
1966 Barcelona Emelec
1967 El Nacional Emelec
1968 Deportivo Quito Barcelona
1969 LDU América
1970 Barcelona Emelec
1971 Barcelona América
1972 Emelec El Nacional
1973 El Nacional Universidad Católica
1974 LDU El Nacional
1975 LDU Deportivo Cuenca
1976 El Nacional Deportivo Cuenca
1977 El Nacional LDU
1978 El Nacional Técnico Universitario
1979 Emelec Universidad Católica
1980 Barcelona Técnico Universitario
1981 Barcelona LDU
1982 El Nacional Barcelona
1983 El Nacional Nueve de Octubre
1984 El Nacional Nueve de Octubre
1985 Barcelona Deportivo Quito
1986 El Nacional Barcelona
1987 Barcelona Filanbanco
1988 Emelec Deportivo Quito
1989 Barcelona Emelec
1990 LDU Barcelona
1991 Barcelona Valdez
1992 El Nacional Barcelona
1993 Emelec Barcelona
1994 Emelec El Nacional
1995 Barcelona Espoli
1996 El Nacional Emelec
1997 Barcelona Deportivo Quito
1998 LDU Emelec
1999 LDU El Nacional
2000 Olmedo El Nacional
2001 Emelec El Nacional
2002 Emelec Barcelona
2003 LDU Barcelona
2004 Deportivo Cuenca Olmedo
2005 (A) LDU Barcelona
2005 (C) El Nacional Deportivo Cuenca
2006 El Nacional Emelec
2007 LDU Deportivo Cuenca
2008 Deportivo Quito LDU
2009 Deportivo Quito Deportivo Cuenca
2010 LDU Emelec
2011 Deportivo Quito Emelec
2012 Barcelona Emelec
2013 Emelec Independiente

Títulos por clube[editar | editar código-fonte]

Clube Títulos Anos
Barcelona 14 1960, 1963, 1966, 1970, 1971, 1980, 1981, 1985, 1987, 1989, 1991, 1995, 1997, 2012
El Nacional 13 1967, 1973, 1976, 1977, 1978, 1982, 1983, 1984, 1986, 1992, 1996, 2005 (C), 2006
Emelec 11 1957, 1961, 1965, 1972, 1979, 1988, 1993, 1994, 2001, 2002, 2013
LDU 10 1969, 1974, 1975, 1990, 1998, 1999, 2003, 2005 (A), 2007, 2010
Deportivo Quito 5 1964, 1968, 2008, 2009, 2011
Deportivo Cuenca 1 2004
Olmedo 1 2000
Everest 1 1962

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]