Copa do Nordeste de Futebol de 2013

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Copa do Nordeste de Futebol de 2013
Copa do Nordeste 2013
Nordeste
Dados
Participantes 16
Organização CBF
Período 19 de janeiro17 de março
Gol(o)s 158
Jogos 62
Média 2,55 gol(o)s por partida
Campeão Paraíba Campinense
Vice-campeão Alagoas ASA
Melhor marcador 5 gols:
Melhor ataque (fase inicial) Paraíba Campinense (17 gols)
Melhor defesa (fase inicial) Pernambuco Sport (5 gols)
Maior goleada
(diferença)
Pernambuco Sport 6–1 Paraíba Sousa
Estádio Ilha do RetiroRecife
6 de fevereiro, 6ª rodada
Público 492 752
Média 8 212,5 pessoas por partida
◄◄ Nordestão 2010 Soccerball.svg Nordestão 2014 ►►

A Copa do Nordeste de 2013 foi uma competição de futebol realizada no Nordeste brasileiro, contando como a 11ª edição da história do campeonato. Foi disputada entre 19 de janeiro, tendo a suas finais em 10 e 17 de março. Contou com 16 clubes, sendo que Bahia e Pernambuco tiveram três vagas cada e Ceará, Rio Grande do Norte, Sergipe, Paraíba e Alagoas tiveram duas cada.

Voltou a ser disputada após três anos e a ser organizada pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) após dez anos.

Porém, somente a partir da edição de 2014, o campeão ganhará a vaga para a Copa Sul-Americana do mesmo ano.[1]

Nesta edição, Maranhão e Piauí não tiveram vagas na competição.

Transmissão[editar | editar código-fonte]

Assim como a edição anterior (em 2010), a empresa TopSports (responsável pela Esporte Interativo) detém todos os direitos de mídia (exceto os direitos radiofônicos) e de propaganda nos estádios durante dez edições. A Esporte Interativo transmite três jogos por rodada. Cada um em horários diferentes. É a única emissora considerada desportiva a transmitir.

Além disso, a TopSports ainda negociou com as operadoras de TV por assinatura um canal alternativo chamado Esporte Interativo Nordeste, para a transmissão de todas as partidas (em especial, quando há partidas com o mesmo horário). A empresa só acertou apenas com três operadoras (sendo uma em âmbito nacional e outras duas situadas no Rio Grande do Norte).[2]

Mesmo com a garantia de exclusividade, a TopSports resolveu revender os direitos de transmissão para uma grande emissora brasileira. A Rede Globo transmitiu o torneio em âmbito regional, transmitindo no máximo, três partidas por rodada.

Disposição das vagas[editar | editar código-fonte]

UF Clube Forma de Classificação
Alagoas Alagoas CRB Campeão do Estadual 2012
ASA Vice-campeão do Estadual 2012
Bahia Bahia Bahia Campeão do Estadual 2012
Vitória Vice-campeão do Estadual 2012
Feirense Terceiro colocado no Estadual 2012
Ceará Ceará Ceará Campeão do Estadual 2012
Fortaleza Vice-campeão do Estadual 2012
Paraíba Paraíba Campinense Campeão do Estadual 2012
Sousa Vice-campeão do Estadual 2012
Pernambuco Pernambuco Santa Cruz Campeão do Estadual 2012
Sport Vice-campeão do Estadual 2012
Salgueiro 3º colocado no Estadual 2012
Rio Grande do Norte Rio Grande do Norte América de Natal Campeão do Estadual 2012
ABC Vice-campeão do Estadual 2012
Sergipe Sergipe Itabaiana Campeã do Estadual 2012
Confiança Vice-campeão do Estadual 2012

Fase de grupos[editar | editar código-fonte]

Os clubes foram separados nos potes de acordo com sua classificação no Ranking da CBF de 2012.

Pote A Pote B Pote C Pote D

O sorteio dos grupos do campeonato do Nordeste aconteceu em 13 de setembro, em Fortaleza.

Classificação[editar | editar código-fonte]

Grupo A[editar | editar código-fonte]

Grupo B[editar | editar código-fonte]

Grupo C[editar | editar código-fonte]

Grupo D[editar | editar código-fonte]

Desempenho por rodada[editar | editar código-fonte]

Fase final[editar | editar código-fonte]

Quartas-de-final Semifinais Final
 13 a 17 de fevereiro  24 de fevereiro e 3 de março  10 e 17 de março
                                     
 Rio Grande do Norte ABC 0 1 1  
 Alagoas ASA 0 2 2  
   Alagoas ASA 3 1 4  
   Ceará Ceará 3 0 3  
 Bahia Vitória 2 1 3
 Ceará Ceará 0 4 4  
   Alagoas ASA 1 0 1
   Paraíba Campinense 2 2 4
 Pernambuco Sport 0 2 2  
 Paraíba Campinense (gf) 0 2 2  
   Paraíba Campinense (gf) 1 1 2
   Ceará Fortaleza 2 0 2
 Pernambuco Santa Cruz 3 1 4
 Ceará Fortaleza 3 2 5

Final[editar | editar código-fonte]

Jogo de ida
10 de março ASA Alagoas 1 – 2 Paraíba Campinense Estádio Fumeirão, Arapiraca
16:00
Wanderson Gol marcado aos 90+3 minutos de jogo 90+3' Notícia Tiago Granja Gol marcado aos 5 minutos de jogo 5'
Jeferson Maranhense Gol marcado aos 60 minutos de jogo 60'
Árbitro: Rio Grande do NorteRN Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro
Jogo de volta
17 de março Campinense Paraíba 2 – 0 Alagoas ASA Estádio Amigão, Campina Grande
16:00
Jeferson Maranhense Gol marcado aos 46 minutos de jogo 46'
Ricardo Maranhão Gol marcado aos 79 minutos de jogo 79'
Notícia Público: 19 650
Árbitro: BahiaBA Jaílson Macedo Freitas

Premiação[editar | editar código-fonte]

Copa do Nordeste de Futebol de 2013
Paraíba
Campinense
Campeão
(1º título)

Classificação geral[editar | editar código-fonte]

Pos Times Pts SG V E D GP GC J % Classificação ou eliminação
1 Paraíba Campinense 24 7 7 3 2 17 10 12 Estável Finalistas
2 Alagoas ASA 17 0 5 2 5 13 13 12 Estável
3 Ceará Fortaleza 17 2 5 2 3 14 12 10 Estável Eliminados nas semifinais
4 Ceará Ceará 14 1 4 2 4 13 12 10 Estável
5 Bahia Vitória 16 4 5 1 2 14 10 8 Estável Eliminados nas quartas-de-final
6 Pernambuco Santa Cruz 16 3 5 1 2 13 10 8 Estável
7 Pernambuco Sport 14 10 3 5 0 15 5 8 Estável
8 Rio Grande do Norte ABC 11 5 3 2 3 13 8 8 Estável
9 Sergipe Confiança 8 -1 2 2 2 7 8 6 Estável Eliminados na primeira fase
10 Bahia Bahia 8 -2 2 2 2 6 8 6 Estável
11 Rio Grande do Norte América de Natal 7 0 2 1 3 6 6 6 Estável
12 Alagoas CRB 6 -1 2 0 4 8 9 6 Estável
13 Pernambuco Salgueiro 6 -6 2 0 4 5 11 6 Estável
14 Sergipe Itabaiana 5 -5 1 2 3 6 11 6 Estável
15 Paraíba Sousa 2 -10 0 2 4 4 14 6 Estável
16 Bahia Feirense 1 -7 0 1 5 4 11 6 Estável

Artilharia[editar | editar código-fonte]

Gols Jogador Time
5 Brasil Marcelo Nicácio Vitória
Brasil Rodrigo Silva ABC
4 Brasil Assisinho Fortaleza
Brasil Jaílson Fortaleza
Brasil Marcos Aurélio Sport
Brasil Pingo Ceará
3 Brasil Carlão CRB
Brasil Da Silva Confiança
Brasil Felipe Azevedo Sport
Brasil Felipe Menezes Sport
Brasil Magno Alves Ceará
Brasil Renatinho Santa Cruz
Brasil Renato Cajá Vitória
Brasil Rico América de Natal
Brasil Léo Gamalho ASA
2 13 jogadores
1 72 jogadores

Fonte: CBF

Maiores públicos[editar | editar código-fonte]

Esses foram os maiores públicos do Campeonato:

Público[PP] Mandante Placar Visitante Estádio Data Rodada
1 52 207 Ceará Ceará 0–1 Alagoas ASA Castelão 3 de março Semifinais
2 33 294 Ceará Ceará 0–1 Bahia Bahia Castelão 27 de janeiro
Ceará Fortaleza 0–0 Pernambuco Sport Castelão 27 de janeiro
4 31 260 Ceará Fortaleza 2–1 Paraíba Campinense Castelão 24 de fevereiro Semifinais
5 27 997 Pernambuco Santa Cruz 1–2 Ceará Fortaleza Arruda 17 de fevereiro Quartas-de-Final
6 22 570 Pernambuco Santa Cruz 1–0 Alagoas CRB Arruda 20 de janeiro
7 19 650 Paraíba Campinense 2–0 Alagoas ASA Amigão 17 de março Final
8 18 689 Paraíba Campinense 1–0 Ceará Fortaleza Amigão 3 de Março Semifinais
9 17 838 Pernambuco Sport 2–2 Paraíba Campinense Ilha do Retiro 16 de fevereiro Quartas-de-Final
10 17 039 Pernambuco Sport 3–1 Sergipe Confiança Ilha do Retiro 24 de janeiro
  • PP. ^ Considera-se apenas o público pagante
  • NC. ^ Públicos com asterisco (*) não foram confirmados

Média de público[editar | editar código-fonte]

Atualizado até 16 de fevereiro.

Essas são as médias de público dos clubes dos estados e dos grupos no Campeonato. Considera-se apenas os jogos da equipe como mandante e o público pagante:

  1. Ceará Ceará – 23 552
  2. Pernambuco Santa Cruz – 21 338
  3. Ceará Fortaleza – 16 854
  4. Pernambuco Sport – 16 039
  5. Paraíba Campinense – 9 224
  6. Pernambuco Salgueiro – 8 743
  7. Bahia Bahia – 6 600
  8. Bahia Vitória – 5 534
  1. Sergipe Confiança – 4 960
  2. Rio Grande do Norte ABC – 4 348
  3. Alagoas ASA – 3 418
  4. Alagoas CRB – 2 828
  5. Sergipe Itabaiana – 1 625
  6. Rio Grande do Norte América de Natal – 1 203
  7. Paraíba Sousa – 1 108
  8. Bahia Feirense – 333
  1.  Ceará – 20 203
  2.  Pernambuco – 15 976
  3.  Paraíba – 6 518
  4.  Bahia – 4 293
  5.  Sergipe – 3 292
  6.  Alagoas – 3 197
  7.  Rio Grande do Norte – 3 000
  • NC. ^ Públicos com asterisco (*) não foram confirmados

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]