Campus Porto Alegre do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Campus Porto Alegre do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS Campus Porto Alegre) é uma unidade de ensino que compõe o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, criada em 2008 a partir da estrutura da então Escola Técnica da UFRGS. Dados de novembro de 2009, apontavam que a instituição possuía 1361 alunos.

Cursos[editar | editar código-fonte]

Em 2011, o Campus Porto Alegre do IFRS oferecia 15 cursos de nível técnico, entre presenciais e à distância, além do PROEJA, e quatro cursos superiores, ante os 11 cursos, todos técnicos, que oferecia quando da sua transformação. Além dos cursos regulares, oferece cursos de extensão e capacitação profissional, oficinas e cursos para portadores de necessidades especiais.

Cursos técnicos[editar | editar código-fonte]

  • Curso Técnico em Administração
  • Curso Técnico em Biblioteconomia
  • Curso Técnico em Biotecnologia
  • Curso Técnico em Contabilidade
  • Curso Técnico em Enfermagem (em parceria com o GHC)
  • Curso Técnico em Informática
  • Curso Técnico em Instrumento Musical – Flauta Doce ou Violão
  • Curso Técnico em Meio ambiente
  • Curso Técnico em Panificação e Confeitaria
  • Curso Técnico em Química
  • Curso Técnico em Redes de Computadores
  • Registros e Informação em Saúde (em parceria com o GHC)
  • Saúde Bucal (em parceria com o GHC)
  • Curso Técnico em Secretariado
  • Curso Técnico em Segurança do Trabalho
  • Curso Técnico em Transações Imobiliárias
  • Curso Técnico em Vendas integrado ao Ensino Médio – Modalidade PROEJA

Cursos superiores[editar | editar código-fonte]

  • Licenciatura em Ciências da Natureza
  • Tecnologia em Gestão Ambiental
  • Tecnologia em Processos Gerenciais
  • Tecnologia em Sistemas para Internet

Ingresso[editar | editar código-fonte]

O ingresso de novos alunos ocorre duas vezes por ano, através de classificação nos Exames de Seleção. Para ingressar nos cursos é necessário ter concluído o Ensino Médio regular.

Histórico[editar | editar código-fonte]

A história da Escola Técnica tem início com o surgimento da Escola de Comércio de Porto Alegre, vinculada a Faculdade Livre de Direito, em 1909. Fez parte da Universidade de Porto Alegre, criada em 1934 e desvinculou-se da Faculdade de Direito.

Com a federalização da Universidade em 1950 passa a ser denominada Escola Técnica de Comércio. E na década de 60, passa a ter uma direção autônoma, desvinculando-se da Faculdade de Ciências Econômicas da UFRGS (FCE) . Mesmo assim, funcionou no prédio da FCE até 1994, quando o prédio próprio ficou pronto e em 1996, quando já possui diversos cursos fora da área comercial, passa a ser denominada Escola Técnica da UFRGS.

Em 30 de dezembro de 2008 com a publicação da Lei 11892/2008, que cria 38 Institutos Federais no País, a Escola Técnica, até então vinculada à UFRGS, deixa de existir e passa a ter sua nova denominação como Campus Porto Alegre do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

Relação de ex-diretores[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]