Cantéyodjayâ

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde dezembro de 2009).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Cantéyodjayâ (1949) é uma obra para solo de piano composta nos Estados Unidos da América pelo compositor francês Olivier Messiaen, tendo a sua primeira audição em Paris a 23 de Fevereiro de 1954 por Yvonne Loriod.

A obra condensa diversas das suas técnicas e preocupações compositivas.

A obra liga-se directamente aos seus Quatre Études du Rythme, às obras Neumes Rythmiques, Mode de Valeurs et d'intensités e Iles de Feu I e II (1950).

Cantéyodjayâ utiliza diversos deci-tâlas, séries cromáticas a nível rítmico e diversos procedimentos de criação e transformação rítmica.

Portal A Wikipédia possui o
Portal da Música Erudita
Ícone de esboço Este artigo sobre música é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.