Capela dos Médici

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou se(c)ção não cita fontes fiáveis e independentes (desde dezembro de 2010). Por favor, adicione referências e insira-as no texto ou no rodapé, conforme o livro de estilo. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Capela dos principes

A Capela dos Médici (Cappelle medicee, em italiano) localiza-se no interior da Basílica de São Lourenço, em Florença, Itália. Foi construída pela Família Médici durante a Renascença e atualmente compreende duas construções: a Sacristia Nova (concebida por Michelangelo) e a Capella dei Principi (Capela dos Príncipes). É considerada um dos mais importantes prédios religiosos da Toscana.

A Sacristia Nova[editar | editar código-fonte]

Foi idealizada pelo Cardeal Júlio de Médici, o futuro Papa Clemente VII, para ser a sepultura pessoal de sua família. O então cardeal confiou a ideia a um dos maiores artistas do Renascimento, Michelangelo Buonarroti.

Capela dos Príncipes[editar | editar código-fonte]

É uma capela octogonal coberta pela grande cúpula de São Lourenço. Primeiramente imaginada por Cosmo I da Toscana, foi projetada por Matteo Nigetti a pedido de Fernando I.

Ícone de esboço Este(a) artigo sobre capela, igreja ou catedral é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Capela dos Médici