Captura neutrônica

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou se(c)ção não cita fontes fiáveis e independentes (desde março de 2011). Por favor, adicione referências e insira-as no texto ou no rodapé, conforme o livro de estilo. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.

A captura neutrônica ou captura térmica é um tipo de reação nuclear onde um nêutron colide com um núcleo atômico e se combinam para formar um núcleo mais pesado.

A principal condição para que os nêutrons sejam capturados, é que devem estar se movendo assim como os núcleos a uma velocidade próxima, ou seja, tenham uma temperatura similar.

Um nêutron livre a uma velocidade relativamente baixa, é uma partícula instável, com uma vida média de 15 minutos, assim que o processo de captura neutrônica é condicionado por esta circunstância. Quando o nêutron é capturado pelo núcleo deve liberar imediatamente o excesso de energia mediante um decaimento gama; além disso o novo núcleo pode sofrer uma desintegração beta para conseguir maior estabilidade.

Tipos de processos de captura neutrônica[editar | editar código-fonte]

Há dois tipos de processos de captura neutrônica: um proceso de captura rápida (processo r ) e um processo de captura lenta (processo s). Estes doi processos produzem para o mesmo núcleo distintos isótopos, além disso, alguns isótopos só podem ser produzidos por um ou outro procedimento, não por ambos.

O processo r implica uma captura múltipla de nêutrons, que produz um núcleo instável que rapidamente decai mediante uma série de desintegrações beta até alcançar um isótopo estável. Este processo é relevante na nucleossíntese estelar devido à grande quantidade de nêutrons livres presentes.

O processo s implica a captura de um só nêutron que produz um núcleo estável ou que decai mediante desintegração beta em um núcleo estável antes de que se possa produzir outra captura neutrônica.

Usos[editar | editar código-fonte]

A captura neutrônica pode ser usada como método de análise não destrutiva de materiais. Diferentes elementos emitem diferentes padrões de radiação característicos quando são submetidos a um processo de captura de nêutrons. Isto faz que seja um processo tecnológico muito útil em campos como a mineração ou a segurança.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre física é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.