Caramelo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Searchtool.svg
Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa (desde fevereiro de 2008). Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Considere utilizar {{revisão-sobre}} para associar este artigo com um WikiProjeto e colocar uma explicação mais detalhada na discussão.
Caramelo em estado líquido.
Caramelo em estado sólido.
Bala de caramelo.

O caramelo é produzido a partir de açúcar, aquecendo-o lentamente até cerca de 170°C/340°F (a temperatura depende do tipo de açúcar), em um processo chamado caramelização. À medida que o açúcar derrete e se aproxima desta temperatura, as moléculas quebram-se em compostos que lhe dão a cor e sabor característicos do caramelo.

Dentre os corantes permitidos como aditivo na indústria de alimentos, o corante caramelo é um dos mais antigos conhecidos, sendo usados para se obtenção de cores que vão da amarela-palha à marrom escura até quase negra.[1]

Referências

  1. GARCIA DE ALMEIDA, P. Corante caramelo em alimentos e bebidas. Flavors Magazine. Ano I, N. 4, pg. 38-39. 2003.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Caramelo