Cariús

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Cariús
Bandeira desconhecida
Brasão desconhecido
Bandeira desconhecida Brasão desconhecido
Hino
Fundação 1951
Gentílico cariuense
Prefeito(a) João Gilvan de Oliveira (PPL)
(2013–2016)
Localização
Localização de Cariús
Localização de Cariús no Ceará
Cariús está localizado em: Brasil
Cariús
Localização de Cariús no Brasil
06° 32' 13" S 39° 29' 49" O06° 32' 13" S 39° 29' 49" O
Unidade federativa  Ceará
Mesorregião Centro-Sul Cearense IBGE/2008 [1]
Microrregião Várzea Alegre IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofes Norte: Jucás e Iguatu, Leste: Cedro e Várzea Alegre, Sul: Várzea Alegre e Farias Brito, Oeste: Tarrafas
Distância até a capital 411 km
Características geográficas
Área 1 061,825 km² [2]
População 18 567 hab. IBGE/2010[3]
Densidade 17,49 hab./km²
Altitude 240 m
Clima Tropical Semi-árido
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,63 médio PNUD/2000 [4]
PIB R$ 52 236,631 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 2 710,77 IBGE/2008[5]
Página oficial

Cariús é um município brasileiro do estado do Ceará. Sua população estimada em 2004 era de 18.892 habitantes.

Etimologia[editar | editar código-fonte]

O topônimo Cariús pode vir da linguagem Tupi ou Tapuia: cari(um tipo de peixe) e ú(água, rio), significando rio do Cari; caa(mato), ry(saída) e u(água). Segundo Tomás Pompeu Sobrinho o topônimio faz uma alusão ao rio Cariús, já segundo Paulino Nogueira, alusão é às cabeceiras do rio Cariús, localizadas em uma serra com uma densa vegetação.[6] Sua denominação original era Poço do Paus e desde 1951, Cariuús.[7]

História[editar | editar código-fonte]

As terras entre as serras dos Bastiões, das Palmeiras, do Quicuncá e de Santa Maria eram habitadas por diversas etnias indígenas tais como os: Juca, Quixará, Quixelô,[8] [9] e com a expansão das missões indígenas, da pecuária e busca do ouro no sul no Ceará, surge o povoado de Poço de Paus. A consolidação deste se deu a partir dos anos 1920, pelos projetos do então presidente do Brasil, Epitácio Pessoa: a construção da estação ferroviária de Poço dos Paus, parte do projeto da expansão da Estrada de Ferro de Baturité[10] em direção ao Crato e a construção de armazéns e acampamento para trabalhadores da construção da barragem do projeto da construção da barragem do açude sobre o rio Cariús pelo DNOCS. Neste contexto, o antigo Distrito de São Mateus, desenvolve-se até a emancipação como município. A história do nosso município começa em 1920, quando o Paraibano Epitácio na presidência da República, inclui no seu plano de salvação do Nordeste a construção de gigantescas barragens no território cearense. Uma delas, POÇO DOS PAUS, seria construída para barrar as águas do Rio Cariús, com capacidade de um bilhão de metros cúbicos de água. Foi o ponto inicial do povoado e futura cidade. Pouco tempo depois foi erguida uma igrejinha, caracterizando a existência de uma típica vila do interior cearense. Em 1924, outro governo sucedeu-se ao de Epitácio Pessoa e as obras foram suspensas. Foi tamanho o seu progresso, que em 31 de março de 1938, pelo decreto de lei nº 169, o povoado foi elevado à categoria de vila, pertencendo ao município de Jucás, antigo São Mateus. O primeiro capelão foi o Padre Emídio Cabral que passou 3 anos na sua função. Na ausência do mesmo, ficou atendendo o vigário de Jucás Padre Pio Pinho de Oliveira . Em 1938., veio um novo capelão Padre José Sobreira que passou 3 anos. O Padre Sobreira construiu a capela –mor, uma obra de arte do professor Italiano Augustinho Odísio. O município de Cariús, bem como os distritos de São Sebastião, São Bartolomeu, Bela Vista e Caipú, foram criados através da Lei nº 1.153, de 22 de Novembro de 1951, no governo Raul Barbosa. No dia 03 de outubro de 1954, teve sua primeira eleição.

A instalação oficial e solene aconteceu no dia 25 de março de 1955, com a posse do prefeito eleito, Sr. Silvestre Almeida Duarte.

Cariús é palavra indígena tupi e significa segundo Tomás Pompeu Sobrinho "rio do cari", de cari peixe de água doce.

Cariús é o nome do rio afluente do Jaguaribe, que banha a cidade e desemboca à margem direita à 02 Km, abaixo da sede.

O nome primitivo Poço dos Paus, vem dos poços que são formados em vários morros de vegetação cerrada, Cariús é Palavra tupi.

O município de Cariús ocupa uma área de 1.075 km² e de acordo com o censo de 2010, toda população, incluindo zona rural e urbana, é de 18.567 habitantes. Está localizado na Região Centro Sul do Estado, a 420 km da capital, à 36 km de Iguatu e a 04 km da cidade de Jucás. Limitando-se com os seguintes municípios: ao norte Jucás e Iguatu; ao sul Farias Brito e Várzea Alegre; ao leste Cedro e Várzea Alegre e ao Oeste Tarrafas e Saboeiro.

Hoje nosso anseio maior é a melhoria do índice de condição de vida, atualmente abaixo da média. A meta principal é crescer, incluindo neste crescimento os cidadãos que se encontram historicamente ausentes do processo.

Procuramos desenvolver um trabalho para a melhoria dos mesmos. Sabemos que inclusão é um fator determinante para melhoria desta condição e que iniciativas tanto do poder público quanto do poder privado serão relevantes para melhoria da qualidade de vida dos mesmos.

A economia do Município baseia-se na agricultura e pecuária, sendo formada por produtores rurais caracterizados como familiar. A população rural sobrevive da agricultura familiar e da criação de pequenos rebanhos de ovinos, caprinos e suínos. A apicultura revela-se como uma cultura alternativa pois apresentam-se vários pequenos produtores espalhados por todo o Município.

Economia[editar | editar código-fonte]

A base da economia local é a agricultura: arroz, milho e feijão; pecuária: bovino, suíno e avícola. Ainda existem 2 indústrias: uma de Produtos alimentares e outra de produtos minerais não metálicos. Em suas terras foram registradas ocorrência de Magnesita, Calcário(Calcita), sob forma Cristalina, Ametista (uma variedade do Quartzo).

Cultura[editar | editar código-fonte]

Os principais eventos culturais são:Semana do município (março), Festival de Quadrilhas (junho), a festa da padroeira: Nossa Senhora Auxiliadora(08.setembro) e Projeto Sonho de Natal (dezembro).

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Visitado em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Visitado em 5 dez. 2010.
  3. Censo Populacional 2010 Censo Populacional 2010 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (29 de novembro de 2010). Visitado em 11 de dezembro de 2010.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil Atlas do Desenvolvimento Humano Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2000). Visitado em 11 de outubro de 2008.
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Visitado em 11 dez. 2010.
  6. http://www.institutodoceara.org.br/Rev-apresentacao/RevPorAno/1887/1887-VocabularioIndigenaemusonaProvinciaCeara.pdf
  7. http://biblioteca.ibge.gov.br/visualizacao/dtbs/ceara/.pdf
  8. Sebok. Lou, Atlases published in the Netherlands in the rare atlas collection. Compiled and edited by Lou Seboek. National Map Collection (Canada), Ottawa. 1974
  9. Aragão, R. B, Índios do Ceará e Topônimios Índigenas, Fortaleza, Barraca do Escritor Cearense. 1994
  10. http://www.estacoesferroviarias.com.br/ce_crato/carius.htm

Filhos Ilustres[editar | editar código-fonte]

Os filhos de Cariús que alcançaram repercussão nacional foram:

Luíza de Alencar Guimarães, membro da conhecida família alencar de Bárbara de Alencar. Importante professora e empreendedora local, diretora da Escolas Reunidas criada após pedido ao então presidente Getúlio Vargas.Foi e é considerada a Mestra das Mestras na história da educação de Cariús, pois formava as novas professoras. Adorava as crianças dedicando todo o seu tempo ao saber estudantil. Sua escola era uma verdadeira festa cívica, religiosa e criativa. Todas as datas do calendário nacional eram comemoradas com hinos, festas, peças de teatro e exposições de trabalhos manuais. Era obrigatório cantar o Hino Nacional, o Hino à Bandeira e o Hino do Ceará. As reuniões de pais e mestres, a educação física e as aulas de campo nas visitas aos sítios vizinhos faziam parte do calendário escolar. Todos a chamavam de madrinha Luizinha.

Fundou a Cruzada Eucarística destinada às crianças onde deu orientação e formação religiosa. Teve grande influência na igreja onde fundou a Congregação das Mães Cristãs e fez parte do Apostolado da Oração onde foi zeladora. Foi também uma das fundadoras do Círculo Operário Católico e da associação dos Comerciantes de Cariús. Atuou nesses órgãos durantes muitos anos e permaneceu como diretora da Cruzada Infantil chegando a escrever novamente para Getúlio Vargas solicitando subsídios.

Construiu e equipou o Hospital Infantil de Cariús em terreno sedido pela igreja e com recursos doados pelos amigos e políticos como: Demócrito Rocha, Paulo Sarasati, Adahil Barreto, Virgílio Távora, dentre outros nomes importantes do Ceará. Mas, o hospital não chegou a funcionar e foi desativado pelo padre por razões políticas.

Diva Targino, professora centenária que conserva uma memória viva. Patrimônio imaterial de Cariús.

Siqueira Campos, governador de Tocantins.

Jourdan Alencar Lopes, farmacêutico reconhecido na região pelo serviço social prestado a toda comunidade cariuense e empreendedor na área da indústria de produtos naturais e farmacêuticos. Foi prefeito municipal por três mandatos.

Neto: Vocalista da Banda Mastruz com Leite.

Zezinho Fernandes: Alcançou notoriedade através de suas composições que já foram usufruídas por diversa personalidades do meio musical brasileiro. Foram confirmadas mais de 200 composições escritas pelo próprio. Zezinho nasceu numa localidade na zona rural de Cariús, num logradouro conhecido como Boqueirão.Logo cedo notou-se uma aptidão musical em zezinho. Após a maioridade juntamente com Dito(zabumba), Manel Azul(pandeiro) e Tiquinho (Triângulo),fundaram eles a banda lapada seca a qual ele próprio atuava como sanfoneiro e vocalista. Em meados de 2002 a banda se desfez e só agora zezinho volta com a sua trupe de músicos a fundar a banda cachorro na peia, banda essa que até hoje emplaca sucessos no mundo musical.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado do Ceará é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.