Carlos (minissérie)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Carlos
Carlos (BR)
Informação geral
Formato Minissérie
Gênero Drama, Biográfico
Duração 330
Criador(es) Daniel Leconte
País de origem  França
 Alemanha
Idioma original inglês
Produção
Diretor(es) Olivier Assayas
Produtor(es) Daniel Leconte
Jens Meurer
Exibição
Emissora de
televisão original
Canal Plus
Formato de exibição 1080i (HDTV)
Transmissão original 19 de maio de 2010
N.º de episódios 3

Carlos é uma minissérie de televisão franco/alemã do gênero drama. Estreou fora de competição no Festival de Cannes em 19 de maio de 2010. É apresentado em três partes, e no Brasil foi exibido pelo canal HBO Brasil.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Duas décadas da vida de Carlos, o Chacal é retratada a partir de 1973. Seus assassinatos, sequestros e atentados terroristas em nome da causa Palestina. Trabalhando para a Frente Popular para a Libertação da Palestina sob a liderança de Wadie Haddad, participou do Sequestro na OPEP em 1975. Seu afastamento desta organização para liderar um grupo independente atuando no Leste Europeu, e seu refúgio no Sudão.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Produção[editar | editar código-fonte]

Produzido pela Film en Stock e Egoli Tossell Film, com participação da Canal Plus, d'Arte France, Centre National de la Cinématographie, Deutscher Filmförderfonds e TV5Monde. Foi filmado em Budapeste, Cartum, Viena, Londres, Haia, Alemanha e Líbano.[1] Falado majoritariamente em inglês, há breves diálogos em francês, espanhol, húngaro, italiano, árabe, alemão, russo, holandês e japonês. No início da primeira parte, há uma advertência para encarar-se a trilogia como uma obra de ficção devido a controvérsias na vida de Carlos.

Prêmios[editar | editar código-fonte]

A minissérie foi indicada aos Prêmios Globo de Ouro 2011 em duas categorias: melhor ator em minissérie ou filme para televisão (para Édgar Ramírez) e melhor minissérie ou filme para televisão, vencendo nesta última.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]