Carnê-leão

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Carnê-leão é uma forma de recolhimento mensal de imposto de renda de pessoas físicas do Brasil.

É cobrado de quem não está sujeito ao recolhimento na fonte, relativamente aos rendimentos recebidos de outras pessoas físicas ou de fontes situadas no exterior. Geralmente estão sujeitos a este tipo de recolhimento os autônomos e profissionais liberais.

O imposto é calculado com base nos valores da tabela progressiva mensal constante em Instrução Normativa da SRF.

A base de cálculo sujeita à incidência mensal do imposto de renda é determinada mediante a dedução das seguintes parcelas do rendimento tributável:

  • a) as importâncias pagas em dinheiro a título de pensão alimentícia em face das normas do Direito de Família, quando em cumprimento de decisão judicial ou acordo homologado judicialmente, inclusive a prestação de alimentos provisionais;
  • b) determinada quantia por dependente (essa quantia pode mudar de um ano para outro);
  • c) as contribuições para a Previdência Social da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios;
  • d) as despesas escrituradas no livro Caixa. Veja as Instruções Normativas da Secretaria da Receita Federal

Ligações externas[editar | editar código-fonte]