Casa de Barcelona

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A Casa de Barcelona foi uma dinastia medieval que reinou continuamente o Condado de Barcelona desde 878 assim como a Coroa de Aragão a partir de 1137 (como reis a partir de 1162). Descendem dos Belonides, descendentes de Guifredo, o Peludo. Herdaram a maior parte dos condados catalães e estabeleceram um territorial Principado da Catalunha, unindo-o em forma de confederação com o Reino de Aragão através de casamento, e conquistando numerosas outras terras e reinos até à morte em 1410 do último legítimo herdeiro masculino, Martinho I de Aragão. Ramificações da Casa governaram Urgel (desde 992) e Gandia. Ramificações da Dinastia continuaram a governar Ausona de forma intermitente de 878 até 1111, Provença de 1112 a 1245, e a Sicília de 1282 a 1409. Pelo Compromisso de Caspe de 1412 a Coroa de Aragão passou para a Casa de Trastâmara, descendentes da infanta Leonor, também da Casa de Barcelona.

Títulos da Casa de Barcelona e data de aquisição[editar | editar código-fonte]

Esta lista não inclui títulos dos anteriores Belonidas que não ficaram com a família durante o Século X.

Ícone de esboço Este artigo sobre História ou um historiador é um esboço relacionado ao Projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Casa de Barcelona