Casa de Bourbon

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde abril de 2010).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Casa de Bourbon
O Real brasão de Armas da Casa de Bourbon.
País:  França
 Espanha
 Luxemburgo
Dinastia de origem: Dinastia capetiana
Títulos: Rei de França
Rei de Navarra
Rei de Espanha
Grão-duque de Luxemburgo
Fundador: Roberto, conde de Clermont
Último soberano: Luís Filipe (França)
Atual soberano: Filipe VI (Espanha)
Henrique (Luxemburgo)
Ano de fundação: 1268
Etnia: Caucasianos
(Franceses, Espanhóis, Toscanos)
Linhagem secundária: Casa de Bourbon-Parma

A Casa de Bourbon (Borbón em castelhano e Borbone em italiano) é uma família nobre e importante casa real europeia. Durante o século XVI, os reis Bourbon governaram Navarra e França. Já no século XVIII, membros da Casa de Bourbon detiveram tronos em Espanha e no sul da península Itálica. Outros Bourbon detiveram importantes ducados. Espanha é atualmente uma monarquia governada pelos Bourbon.

Os monarcas Bourbon começaram a governar Navarra em 1555. Em França, por sua vez, a dinastia Bourbon inicia-se em 1589 com Henrique IV e estende-se até 1792, quando a monarquia é derrubada durante a Revolução Francesa, com a prisão de Luís XVI e o estabelecimento da Primeira República Francesa. Restaurada brevemente em 1814 e definitivamente em 1815 após a queda do Primeiro Império Francês, a dinastia Bourbon é finalmente derrubada em França durante a Revolução de Julho de 1830. Uma ramificação da Casa de Bourbon, a Casa de Bourbon-Orléans, governou França por 18 anos.

Filipe V de Espanha foi o primeiro da dinastia Bourbon a governar Espanha, iniciando o seu reinado em 1700. A dinastia Bourbon em Espanha foi derrubada e restaurada muitas vezes, reinando de 1700 a 1808, de 1813 a 1868, de 1875 a 1931, e de 1975 até o presente. Da linha de sucessão espanhola originaram-se a linha do reino das Duas Sicílias (1734-1806 e 1815-1860, e em Sicília apenas no período de 1806-1816), a família Bourbon de Sicília e os governantes Bourbon do ducado de Parma. Em 1919, a grã-duquesa Carlota de Luxemburgo casou-se com o mais novo da ramificação Bourbon Parma, e assim, consequentemente, os seus sucessores, que governaram em Luxemburgo desde a sua abdicação em 1964, pertenceram, indiretamente, à Casa de Bourbon.

Origem da Casa de Bourbon[editar | editar código-fonte]

Henrique III de Navarra foi o primeiro da dinastia dos Bourbon na França, que se tornou Henrique IV de França.

A nobreza da família dos Bourbon data, pelo menos, do início do século XIII, quando o patrimônio dos Bourbon foi assumido por um lorde que era vassalo do rei de França. Em 1268, Roberto, conde de Clermont[desambiguação necessária], sexto filho do Luís IX de França, casou-se com Beatriz de Borgonha, herdeira do senhorio de Bourbon. Seu filho, Luís, tornou-se duque de Bourbon em 1327. A linhagem de seus herdeiros foi desapossada do ducado em 1523 em função da traição do duque Charles III, mas a linhagem de La Marche-Vendôme adquiriu o ducado de Vendôme. A ramificação Bourbon-Vendôme tornou-se a casa real governante primeiro do reino de Navarra em 1555 e de França em 1589, quando Henrique III de Navarra tornou-se Henrique IV, rei de França.

Lista de governantes Bourbon[editar | editar código-fonte]

Observação: As datas indicam reinados, e não datas de nascimento e morte.

Monarcas de França[editar | editar código-fonte]

Monarcas de Espanha[editar | editar código-fonte]

Outros títulos importantes exercidos pelos Bourbons[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]