Dinastia de Lencastre

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Casa de Lencastre)
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde janeiro de 2013).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Dinastia de Lencastre
A Rosa vermelha dos Lancaster (Lencastres).
País:  Inglaterra
 Senhorio da Irlanda
Dinastia de origem: Plantageneta
Títulos: Duque de Lencastre
Rei de Inglaterra
Rei de França (disputado)
Fundador: João de Gante
Último soberano: Henrique VI de Inglaterra
Ano de fundação: 1362
Linhagem secundária: Casa de Tudor

A Dinastia de Lencastre ou Casa de Lencastre (em inglês: Lancaster) foi uma dinastia de reis de Inglaterra que governou o país entre 1399 e 1471. Os Lencastre foram uma das facções envolvidas na Guerra das Rosas, por oposição à Casa de York, onde representavam a rosa encarnada. O nome da casa deriva do seu fundador ser João de Gant, o Duque de Lencastre. Em termos estritos, podem ser considerados Plantagenetas, uma vez que não há quebra dinástica entre as duas casas, sendo portanto, os Lencastre um ramo dos Plantagenetas, logo todo Lencastre é um Plantageneta, mas nem todos os Plantagenetas são Lencastre.

A casa de Lencastre chega ao poder em 1399, através do golpe de Henrique Bolingbroke contra o primo Ricardo II de Inglaterra, o último Plantageneta. O último rei Lencastre foi Henrique VI, destronado na guerra das rosas.

A casa de Tudor, que haveria de alcançar a coroa inglesa em 1485, descende dos Lencastre através de Margarida Beaufort, neta de João de Gant.

Reis de Lencastre[editar | editar código-fonte]

Outros membros[editar | editar código-fonte]